Imagem Blog

Filmes e Séries - Por Barbara Demerov

Aqui você encontra críticas, entrevistas e as principais novidades sobre o mundo do cinema e do streaming
Continua após publicidade

Festival de Cannes 2023: tudo sobre a edição

O maior festival de cinema do mundo acontece de 16 a 27 de maio, na França

Por Barbara Demerov
Atualizado em 19 abr 2023, 19h58 - Publicado em 19 abr 2023, 19h57

A 76ª edição do Festival de Cannes está marcada para acontecer entre os dias 16 e 27 de maio e agitar o mundo cinematográfico. O mais impactante festival de cinema traz diversos recortes chamativos este ano, incluindo novos longas de Martin Scorsese, Wes Anderson, Hirokazu Kore-eda e Todd Haynes, e um recorde de produções selecionadas que são dirigidas por mulheres.

São seis diretoras indicadas na categoria principal, enquanto outras 14 foram selecionadas em outras categorias – ao todo, 51 filmes, entre longas e curtas, compõem a programação. Apesar de ser um recorde ter mais de cinco filmes com diretoras no festival, a presença de mulheres não chega a 50% no total. Os seis longas que competem pela Palma de Ouro são La Chimera (Alice Rohrwacher), Club Zero (Jessica Hausner), Last Summer (Catherine Breillat), Anatomie d’une chute (Justine Triet), Banel et Adama (Ramata-Toulaye Sy) e Four Daughters (Kaouther Ben Hania).

Catherine Deneuve sorrindo em foto em preto e branco
Catherine Deneuve estampa cartaz do Festival de Cannes 2023 (Festival de Cannes/Divulgação)

Ao todo, 19 filmes competem pelo prêmio mais cobiçado em Cannes. Além dos citados acima, são eles: The Zone of Interest, de Jonathan Glazer (Grã-Bretanha), Fallen Leaves, de Aki Kaurismaki (Finlândia), Les Filles D’olfa, de Kaouther Ben Hania (Tunísia), Asteroid City, de Wes Anderson (EUA), Monster, de Hirokazu Kore-Eda (Japão), A Brighter Tomorrow, de Nanni Moretti (Itália), Kuru Otlar Ustune, de Nuri Bilge Ceylan (Turquia), La Passion de Dodin Bouffant, de Anh Hun Tran (França), Rapito, de Marco Bellocchio (Itália), May December, de Todd Haynes (EUA), Jeunesse, Bing Wang (China), The Old Oak, de Ken Loach (Grã-Bretanha), Perfect Days, de Wim Wenders (Alemanha) e Firebrand, do brasileiro Karim Aïnouz (Grã-Bretanha).

Continua após a publicidade

Na lista, estão veteranos como Scorsese, Ken Loach, Wim Wenders e Nanni Moretti. Killer of the Flower Moon , dirigido pelo cineasta vencedor da Palma de Ouro (em 1976, por Taxi Driver) é um dos filmes mais aguardados do festival, apesar de não estar presente na competição oficial.

Dentre os homenageados, se destaca Harrison Ford, que, no auge de seus 80 anos, se prepara para estrelar o quinto filme da franquia Indiana Jones. Indiana Jones e a Relíquia do Destino também será exibido em Cannes.

O filme de abertura será Jeanne du Barry, dirigida e estrelada por Maïwenn. Encerrando a programação, Elementos, nova animação da Pixar, fará sua pré-estreia mundial.

Continua após a publicidade

O presidente do júri do festival este ano é o cineasta sueco Ruben Ostlund, que já faturou duas Palmas de Ouro: uma no ano passado, por Triângulo da Tristeza, e outra em 2017, por The Square.

O pôster da 76ª edição é estampado pela atriz francesa Catherine Deneuve.

Compartilhe essa matéria via:

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.