Imagem Blog

Filmes e Séries - Por Barbara Demerov

Aqui você encontra críticas, entrevistas e as principais novidades sobre o mundo do cinema e do streaming
Continua após publicidade

‘Anatomia de Uma Queda’ explora drama de tribunal em ritmo tenso

Vencedor em Cannes, longa francês acompanha mulher suspeita de assassinar o marido

Por Barbara Demerov
19 jan 2024, 06h00

✪✪✪✪ Atual vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes, Anatomia de Uma Queda estreia nos cinemas com o currículo turbinado por duas vitórias no Globo de Ouro: melhor roteiro e melhor filme internacional, categoria em que curiosamente não poderá figurar no Oscar, já que não foi a escolha da França para concorrer ao prêmio.

Não estranhe, porém, se o longa estiver entre os postulantes ao prêmio de melhor filme quando os indicados forem revelados na próxima terça (23). Méritos para isso não faltam no longa da diretora Justine Triet.

A começar pela atuação sublime da alemã Sandra Hüller como uma mulher suspeita de assassinato. A vítima seria seu próprio marido (Samuel Theis), morto após cair do sótão do chalé onde moravam. Além deles, a única pessoa presente no local no momento da tragédia era o filho do casal, Daniel (Milo Graner), menino com deficiência visual que não tem como dar um testemunho completamente assertivo sobre o caso.

E é justamente aí que brilha o roteiro escrito por Triet e Arthur Harari. Sem se preocupar em dar uma explicação inquestionável ao público, o filme vira um drama de tribunal que analisa as nuances da justiça, conforme são montadas as estratégias da defesa e promotoria.

Continua após a publicidade

A protagonista passa a ter cada detalhe de sua personalidade colocado em cheque, desde a orientação sexual até o trabalho como escritora, que, por sinal, rende uma acusação sobre sua habilidade de manipular a realidade.

+ Novo ‘Meninas Malvadas’ vai agradar até os millennials fãs do original

Tenso e repleto de camadas, Anatomia de Uma Queda é daquelas obras que, quando acabam, continuam na conversa que suscita junto ao público. Uma jornada intrigante que ecoa além da última cena.

Continua após a publicidade

Publicado em VEJA São Paulo de 19 de janeiro de 2024, edição nº 2876

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.