Imagem Blog

Cidade das Crianças Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Blog
Os melhores programas para as crianças e a família espalhados por São Paulo. Por Júlia Rodrigues (julia.rodrigues@abril.com.br)
Continua após publicidade

“Os booktubers são fundamentais na difusão de livros”, diz escritora Marisa Lajolo

Especialista em literatura infantil acaba de lançar 'A Irmã de Angelina', que aborda rivalidade entre filhos. Confira entrevista

Por Júlia Rodrigues
7 jul 2023, 06h00

Em seu novo livro, A Irmã de Angelina (Moderna, 32 págs, R$ 48,09), Marisa Lajolo imagina uma conversa entre uma irmã mais velha e outra mais nova, que ainda está na barriga da mãe. A escritora, crítica literária e professora do curso de Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie é uma das maiores estudiosas da literatura infantil brasileira e coleciona, além de títulos juvenis, biografias e releituras. Confira a entrevista:

livro a irmã de angelina marisa lajolo
Capa do livro (Moderna/Divulgação)

De onde veio a inspiração para o livro?

Tenho dois irmãos menores e eles brigavam muito, então sempre vivi no meio desse conflito. Sempre achei que escrever uma história sobre isso seria interessante, que muitas crianças poderiam se identificar. Daí uma amiga, que tinha uma filha chamada Angelina, ficou grávida de outra menina. A irmã mais velha não gostava, dava tapas na barriga da mãe. Resolvi escrever e dar para ela ler. A menina amou, passou até a fazer carinho na barriga da mãe (risos).

Como tratar de assuntos delicados com crianças, como o ciúme, por meio da literatura?

Ler nos permite viver o papel de outras pessoas, independentemente se é literatura infantil ou adulta. Você experimenta, sem sequer sair de sua poltrona, situações humanas muito ricas. Acredito que qualquer tema deve ser contado de modo que a criança se identifique com a história. A partir do momento em que ela se identifica, deixo a cargo dela decidir que atitude vai tomar.

+Frutas e legumes ganham vida em novo livro de Pedro Bandeira; confira entrevista

Com a internet e as redes sociais, as crianças de hoje têm maior dificuldade em se concentrar na leitura?

Depende muito da criança, se ela está lendo um livro adequado à idade dela. Mas, de qualquer maneira, a mídia é fundamental em tudo isso. Os booktubers são fundamentais na difusão de livros também. Hoje, quase não se vê crítica literária em jornais e revistas. Ninguém chega no livro que está parado na estante. Por isso, eu mesma tenho pensado em usar mais as redes sociais para divulgar meus livros.

Continua após a publicidade

Publicado em VEJA São Paulo de 12 de julho de 2023, edição nº 2849

Compartilhe essa matéria via:

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.