Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Suspeito de matar ex-ator de Chiquititas é preso após quase três anos

Empresário fugiu após matar Rafael Miguel e os pais dele em 2019; seu nome aparecia na página de criminosos mais procurados da polícia paulista

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 17 Maio 2022, 09h25 - Publicado em 16 Maio 2022, 18h40

Paulo Cupertino, suspeito de executar o ator Rafael Miguel e os pais do jovem em junho de 2019, foi encontrado hoje pela polícia após quase três anos foragido. As informações são do UOL.

Paulo foi detido por policiais da 6ª seccional e encaminhado para o 98º Distrito Policial, localizado no Jardim Miriam, Zona Sul de São Paulo. Na sequência, ele foi levado para a DGP (Delegacia Geral de Polícia).

O suspeito era sogro de Rafael e pai de Isabela Tibcherani, que por diversas vezes criticou Paulo e disse que ele era um “homem agressivo, possessivo e egoísta”.

No fim de 2020, a Polícia Civil de São Paulo foi à cidade de Liberación, no Paraguai, seguindo a pista de que Cupertino estaria em uma fazenda na região, mas ele não tinha sido encontrado até agora.

Em entrevista ao Cidade Alerta, da Record, o delegado Osvaldo Nico Gonçalves, responsável pela busca, afirmou que ainda será realizado um trabalho de reconhecimento do suspeito.

“A gente vai fazer uma legitimação para provar que é ele mesmo. O pessoal do 98º Distrito Policial está chegando aqui na divisão de capturas. Mas assim, é 90% de informação de policiais do 98º DP”, reforçou.

“Eu fui para o Paraguai com uma equipe uma vez, perdemos ele por pouco. Chegamos até a barraquinha de sanduíche dele que ele abandonou. Perdemos ele por pouco também em um barbeiro. Mas hoje, vou fazer questão de divulgar a prisão dele, que foi um trabalho muito grande da polícia”, concluiu.

Continua após a publicidade

Isabela Tibcherani, filha de Paulo Cupertino, conversou com o Brasil Urgente, na Band, após receber a notícia. “Aparentemente é real e faz literalmente cinco minutos que eu descobri, então estou ainda assimilando tudo.”

“Acabei de ser informada sobre a prisão dele e ainda estou assimilando. Não é a primeira vez que eu recebo essa informação, tanto que a minha primeira reação ao receber a ligação foi: ‘Você tem certeza do que você está falando? Você confirma isso? Não posso ter a minha vida balançada agora”, completou.

O suspeito afirmou ser inocente e disse ter fugido por medo ao ser questionado por jornalistas na entrada da delegacia. Paulo Cupertino já teve quatro passagens pela polícia, de acordo com informação da 6ª Delegacia Seccional de Polícia Regional de Santo Amaro divulgadas na época do crime. Roubo a banco (1993), furto, lesão corporal e ameaça (2005) e ocorrência de fuga.

 

 +Assine a Vejinha a partir de 12,90.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)