Continua após publicidade

Rodrigo Garcia nomeia quatro novos secretários estaduais

Mudanças no primeiro escalão atingem pastas de Desenvolvimento Social, Governo, Infraestrutura e Meio Ambiente e Esportes

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 21 abr 2022, 10h35 - Publicado em 21 abr 2022, 10h34

O governador Rodrigo Garcia anunciou nesta quarta-feira (20) quatro novos secretários de Estado para as pastas de Desenvolvimento Social, Governo, Infraestrutura e Meio Ambiente e Esportes. As nomeações têm efeito imediato e foram publicadas no Diário Oficial do Estado desta quinta (21).

– Mais: o perfil de Rodrigo Garcia, novo governador de São Paulo

Com a reorganização no primeiro escalão estadual, a nova secretária de Desenvolvimento Social é Laura Muller Machado. Marcos Penido assume a secretaria de Governo, e será substituído por Fernando Chucre na pasta de Infraestrutura e Meio Ambiente. Thiago Martim Milhim será o novo secretário de Esportes.

No início desta semana, o economista Felipe Salto já havia sido anunciado como novo secretário de Fazenda e Planejamento.

Laura Müller Machado tem 34 anos e é administradora e mestre em economia aplicada pela USP. Especializou-se em uso de evidência para a melhoria da qualidade do gasto público, com livros e estudos na área de educação, desenvolvimento social, distribuição de renda e pobreza. No instituto Insper, atua como professora e coordenadora dos programas de pós-graduação em gestão pública.

Continua após a publicidade

Marcos Penido tem 60 anos e passa a ocupar a secretaria que foi comandada por Rodrigo Garcia até o dia 31 de março, quando assumiu o mandato de governador. Engenheiro Civil, Penido atua na esfera pública desde 1985, com passagens na prefeitura e no governo do Estado. Desde 2019,  capitaneava programas importantes como o Novo Rio Pinheiros, que está despoluindo um dos rios mais importante da capital paulista.

Fernando Chucre tem 55 anos e passa a comandar a pasta de Infraestrutura e Meio Ambiente. Arquiteto e urbanista, ele também atuou em cargos de comando do governo do Estado e da prefeitura. Foi deputado federal por São Paulo entre 2007 e 2011. Na atual gestão estadual, ocupava a presidência executiva do Fundo Social de São Paulo.

Thiago Milhim tem 31 anos e já ocupou cargos estratégicos nas administrações federal, estadual e municipal. Advogado, foi subprefeito dos distritos da Casa Verde, Cachoeirinha e Limão e também comandou a secretaria municipal de Esportes na Prefeitura de janeiro de 2021 a janeiro de 2022.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.