Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Manifestantes distribuem adesivos para apoiar a Operação Lava-Jato

Integrantes de movimentos contrários ao governo Dilma Rousseff promoveram ato no Largo da Batata nesta terça (14)

Por Felipe Neves Atualizado em 1 jun 2017, 16h44 - Publicado em 14 jul 2015, 23h17

Um grupo com cerca de cinquenta pessoas se reuniu na tarde desta terça (14), no Largo da Batata, em Pinheiros, para demonstrar apoio às investigações da Operação Lava-Jato, da Polícia Federal. Integrantes de movimentos contrários ao governo da presidente Dilma Rousseff, os manifestantes distribuíram adesivos com os dizeres “Lava Jato #Eu Acredito” para motoristas e pedestres que passavam pelo local. Eles ainda portavam cartazes e bandeiras. 

+ Polícia Federal marca interrogatório de Marcelo Odebrecht

“Não queremos que a oposição e os órgãos federais sejam inertes, bancando a continuidade desse governo. Confiamos no trabalho da Polícia Federal e cremos que já há várias razões para que haja o impeachment de Dilma. Problemas como as pedaladas fiscais e o recebimento de dinheiro da corrupção para a campanha eleitoral são mais do que convincentes”, disse o programador Fernando José da Silva, 42, do movimento Passando a Limpo. 

Manifestação - Lava Jato
Manifestação – Lava Jato

+ PF apreende carros de luxo de Fernando Collor na casa da Dinda

Os manifestantes ainda levaram ao local uma bandeira verde-amarela de 30 metros na qual planejavam escrever a palavra “impeachment”.

Manifestação - Lava Jato
Manifestação – Lava Jato

+ Confira as principais notícias da cidade

Conhecido pelos vídeos que divulga na internet, Fernando Holiday, de 18 anos, estava no local representando o movimento Brasil Livre. “Apoiamos o trabalho do juiz Sérgio Moro, até enviamos flores para ele, reconhecendo o resultado positivo das investigações. O que queremos é que a oposição seja mais rápida. Já há indícios suficientes para que o governo seja deposto.”

Continua após a publicidade

Publicidade