Painel de Tomie Ohtake no Anhangabaú é restaurado

Obra é de 1984

Criado em 1984, o painel pintado na lateral de um edifício comercial na Ladeira da Memória, no Vale do Anhangabaú, é obra de Tomie Ohtake (1913-2015). Originalmente concebido em uma tela de 1 metro de altura, o trabalho foi ampliado para 55 metros de altura e 22 de largura pelo arquiteto José Roberto Graciano.

Nos últimos dois meses, passou por uma restauração promovida pelo Instituto Tomie Ohtake em parceria com uma empresa holandesa de tintas. Gastaram-se 360 litros do material na revitalização.

O painel em edifício no Vale do Anhangabaú

O painel em edifício no Vale do Anhangabaú (Ricardo Miyada/Veja SP)

Veja também
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s