Clique e assine por apenas 6,90/mês

Operação na Cracolândia acaba em confusão e com dois baleados

Vídeo mostra momento em que agentes da GCM são atacados e trocam tiros com um grupo que estava no local

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 14 Feb 2020, 15h51 - Publicado em 9 Nov 2019, 14h04

Uma operação da Guarda Civil Metropolitana (GCM) na Cracolândia, no centro da capital, realizada na sexta-feira (8) resultou em confusão e em, pelo menos, duas pessoas baleadas.

Um vídeo que está circulando nas redes sociais mostra o momento em que um guarda é derrubado da moto e agredido por homens que estavam na região. Em seguida, as imagens revelam outros agentes retornando ao local para ajudar o guarda caído e atirando contra o grupo. Uma das pessoas foi atingida pelos tiros. Enquanto arrastavam a vítima, os guardas aparecem golpeando o rapaz caído.

No vídeo, é possível ouvir pessoas pedindo que os agentes parem de bater na vítima. “Chega”, gritam durante a gravação.

Em nota, a Secretaria Municipal de Segurança Urbana informou que enviou um efetivo da GCM para controlar um tumulto na região da Nova Luz. No texto, a pasta comunica que um guarda levou um tiro disparado por a arma que conseguiu tomar de um dos agentes. “O tumulto foi contido e os feridos foram encaminhados para o atendimento médico da Santa Casa de Misericórdia”, diz a nota.

Continua após a publicidade

“A situação ocorreu após uma ação de combate ao tráfico de drogas na região no período da manhã da sexta-feira, realizada pela PM, com apoio da GCM, que resultou em cinco prisões de pessoas com porte de entorpecentes, que foram enviados ao Denarc”.  A secretaria diz ainda que o GCM ferido já recebeu alta. Já o agressor permanece internado.

 

Publicidade