Clique e assine por apenas 6,90/mês

No inverno, São Paulo bate recorde de calor no ano

Foi a tarde com as temperaturas mais altas de 2020

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 12 set 2020, 21h59 - Publicado em 12 set 2020, 21h49

Em pleno inverno, a cidade de São Paulo registrou neste sábado (12) a tarde mais quente do ano, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas), da prefeitura. A média da temperatura máxima foi de 34,1º C às 16 h. O recorde de calor anterior era de 33,7ºC no dia 27 de janeiro, verão. Em Itaquera, os termômetros registraram 36ºC. O calor fez com que o paulistano procurasse as praias, o que causou lentidão no Sistema Anchieta-Imigrantes.

A umidade continua baixa, com média dos menores índices em 21,8%. Em Cidade Ademar, foi de 17,1%. Na última quarta-feira, a Defesa Civil emitiu um alerta.

A previsão para o domingo (13) é de sol o dia todo sem nuvens. Noite de tempo aberto. Mínima de 19ºC e máxima de 33ºC.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Continua após a publicidade
Publicidade