Clique e assine por apenas 6,90/mês

Moby mostra sonoridade múltipla no Credicard Hall

Nova-iorquino apresenta, ‘Wait for Me’, lançado em 2009, e seus maiores sucessos

Por Pedro Ivo Dubra - Atualizado em 5 Dec 2016, 18h51 - Publicado em 16 Apr 2010, 20h42

Em março, o nova-iorquino Richard Melville Hall organizou um livro de ensaios sobre a indústria de alimentos. Foi mais uma empreitada de um sujeito politicamente correto (alguns preferem considerá-lo um chato de galochas mesmo), vegetariano convicto, dono de uma casa de chás orgânicos e que ganhou fama mundial como DJ, produtor, cantor, multi-instrumentista e compositor. É essa faceta de músico que Moby (referência a ‘Moby Dick’, clássico da literatura publicado por seu antepassado Herman Melville em 1851) mostra novamente na cidade, onde esteve há cinco anos.

Hiperativo também em termos de referências sonoras — punk, soul, funk e, sobretudo, eletrônica —, esse brilhante melodista apresenta o disco ‘Wait for Me’ (2009), o nono gravado em estúdio. Moby já declarou, porém, que vai fazer um show calcado nos seus maiores sucessos, mais ou menos 75% das pedidas. Do novo registro, ele tem incluído ‘Shot in the Back of the Head’, instrumental que ganhou uma animação dirigida pelo cineasta David Lynch. De outros tempos, devem pintar ‘Porcelain’ e ‘Natural Blues’, pertencentes a ‘Play’ (1999), CD cujas vendas ultrapassaram 10 milhões de cópias. Antes e depois de animar a plateia ao lado de um quinteto (às 22h30), o astro encontra no camarim cenoura, espinafre, pasta de grão-de-bico, gengibre, geleia de morango e maçã — ele pediu para não ver em hipótese nenhuma na sua frente café, refrigerantes e bebidas alcoólicas. Também estão escalados para a noite a banda Copacabana Club (21h30), os DJs 2Headz (22h) e o trio de DJs Killer on the Dancefl oor (0h).

 

Publicidade