Clique e assine por apenas 6,90/mês

Maestro João Carlos Martins recebe alta de hospital

Regente da Bachiana Filarmônica Sesi-SP deixou o hospital, após ter sido internado com um quadro de embolia pulmonar

Por Redação VEJA São Paulo - 29 jan 2017, 20h09

O maestro João Carlos Martins, 76 anos, deixou o Hospital Sírio-Libanês, neste sábado (28), onde estava internado com quadro de embolia pulmonar desde terça (24).

De acordo com a assessoria do maestro, ele passa bem e continuará o tratamento. Além disso, deve cumprir com todos seus compromissos, já que sua agenda de concertos está mantida.

Martins é o atual maestro e diretor artístico da orquestra Bachiana Filarmônica Sesi-SP. Pianista de carreira, ele enfrentou diversos problemas de saúde — entre eles uma lesão em um nervo da mão direita e um tumor na mão esquerda — que o fizeram abandonar os teclados em 2002. Dois anos depois, começou a estudar regência e se reinventou como maestro.

Sua trajetória é tema do filme João, previsto para estrear no primeiro semestre deste ano.

Continua após a publicidade
Publicidade