Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Cantor sertanejo Juliano Cezar morre após sofrer parada cardíaca em show

O artista tinha 58 anos

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 31 dez 2019, 10h53 - Publicado em 31 dez 2019, 10h50

O cantor sertanejo Juliano Cezar, de 58 anos, faleceu na madrugada desta terça (31). Ele sofreu uma parada cardiorrespiratória, enquanto se apresentava em Uniflor, no interior do Paraná. Chegou a cair no palco do show e foi levado a um hospital, mas não resistiu.

O velório ocorrerá em Ribeirão Preto (SP), onde morou por mais de 25 anos, nesta terça (31), a partir das 18h. Depois, o corpo será transladado para sua cidade natal, Passos (MG), onde será também velado e sepultado.

Cezar iniciou sua carreira na música em 1985, depois de ter atuado como peão de rodeios. Começou com versões de sucessos de duplas como Milionário & José Rico, antes de lançar álbuns com hits próprios. Ficou conhecido por sua gravação da faixa Não Aprendi Dizer Adeus, de 1990, depois famosa nas vozes de Leandro e Leonardo.

Publicidade