Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Fiscalização multa estabelecimentos que infringiram toque de restrição

Trabuca, no Itaim Bibi, está entre os bares autuados e sócio rebate: "Estávamos dentro dos protocolos. A fiscalização tem agido de maneira equivocada"

Por Gabriela Del'Moro 27 fev 2021, 18h37

No primeiro fim de semana desde o anúncio do ‘toque de restrição’ implementado pelo governador João Dória (PSDB) em todo o estado de São Paulo, a fiscalização autuou na sexta (26) dezoito estabelecimentos na cidade, dentre eles os bares Trabuca e Beco do Espeto no Itaim Bibi, em operação da Vigilância Sanitária em conjunto com a Polícia Militar e o Procon-SP.

As medidas restritivas que passaram a valer ontem reforçam a proibição de aglomerações e funcionamento indevido de serviços não essenciais, das 23h às 5h, para tentar diminuir a transmissão de Covid-19, após São Paulo alcançar recorde de internações. Segundo o Plano São Paulo, restaurantes e bares só podem funcionar até as 22h, suscetíveis a multas caso haja descumprimento das regras.

Durante a operação, realizada das 19h às 5h, a Vigilância registrou estabelecimentos funcionando além do horário, alguns inclusive com as portas fechadas na Pompeia, Zona Oeste. Já na Zona Sul, os bares Beco do Espeto e Trabuca foram fechados, segundo a fiscalização, por ultrapassarem às 22h e contarem com aglomerações.

Em entrevista à Vejinha, o sócio do Trabuca, Denis Nicolini, disse que recorrerá à multa, “Temos todas as filmagens. Vamos recorrer a essa autuação para que não se transforme em multa.”.

O empresário descreveu a operação da Vigilância como “leonina”,  “Tivemos uma fiscalização na unidade JK às 22h20, mas já havíamos encerrado às 22h. Na casa tinham por volta de sessenta clientes pagando a conta, mas como o nosso alvará é para 480 pessoas, nós estávamos dentro dos protocolos dos 40%. A fiscalização tem agido de maneira equivocada.”.

Neste sábado, o Trabuca e o Beco do Espeto voltaram a funcionar.

Assine a Vejinha a partir de 6,90 mensais

  • Continua após a publicidade
    Publicidade