Continua após publicidade

Exército já identificou militares envolvidos no furto de armas em Barueri

Suspeitos já teriam recebido formulários de apuração de transgressão para realizarem suas defesas

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
19 out 2023, 10h27

O Exército já identificou os suspeitos de facilitarem o sumiço das 21 armas do quartel de Barueri, região metropolitana de São Paulo. As investigações militares estão restringindo cada vez mais o número de pessoas que podem estar envolvidas no furto.

+Mega-Sena sorteia nesta quinta prêmio acumulado em R$ 40 milhões

De acordo com o blog da jornalista Andréa Sadi, todos os militares que tinham encargo de fiscalização ou controle serão responsabilizados e cumprirão punições disciplinares. O Exército tem expectativas de que isso ocorra em breve.

Os militares suspeitos já teriam recebido os formulários de apuração de transgressão para realizarem suas defesas.

O caso

O Exército alega que, no dia 10 de outubro, durante uma inspeção, foi constatado o sumiço de 21 armas do quartel de Barueri, sendo 13 metralhadoras calibre .50 (capazes de derrubar aeronaves) e oito calibre 7,62. A corporação, então, informou que 480 militares ficariam retidos no quartel para investigação. Posteriormente, 320 deles foram ‘soltos’, mas 160 ainda estão ‘aquartelados’.

Compartilhe essa matéria via:

 

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.