Clique e assine por apenas 6,90/mês
Vida Boa Por Bárbara Öberg A repórter Bárbara Öberg fala sobre bem estar, exercícios, saúde e novidades para melhorar a rotina.

Quatro lugares para ver a cidade de cima com o seu “crush”

Confira os endereços

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 26 out 2018, 06h01 - Publicado em 26 out 2018, 06h00

Pedra Grande, Horto Florestal. Bonito e barato (R$ 13,00 de taxa), o passeio começa no Parque da Cantareira. Uma trilha de 4,5 quilômetros leva ao local cercado de mata. De terça a domingo, das 8h às 17h. Rua do Horto, 1799.

Sesc Avenida Paulista. Prefere algo urbano? No 17º andar, onde fica o mirante dessa unidade do Sesc, dá para ter uma visão de mais de 180 graus da Consolação, do Paraíso, dos Jardins e até do Pico do Jaraguá lá no horizonte. Avenida Paulista, 119.

A visão do Sesc Paulista Pedro Vannucchi/Veja SP

Skye. O famoso restaurante e bar acabou de passar por reforma na cobertura do Hotel Unique. Lá é possível observar a piscina avermelhada e também a grandeza do Parque do Ibirapuera. Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 4700.

Espaço do Skye Tuca Reinés/Veja SP

Tokyo. Esse local moderninho da Vila Buarque, misto de karaokê, bar, restaurante e balada, tem um mirante no 9º andar. Dali, pode-se curtir a noite na pista vendo edifícios icônicos como o Copan e o Itália. Rua Major Sertório, 110.

Tokyo, nova casa no centro Marcos Bacon/Veja SP
Continua após a publicidade
Publicidade