“Toda rede social é uma ficção”, afirma Vera Holtz

A atriz é bem presente na internet e participa de um musical em cartaz na cidade por meio de projeções

Com esse visual andrógino, Vera Holtz, 65, interpreta o mago do título em Merlin e Arthur — Um Sonho de Liberdade, musical com canções de Raul Seixas em cartaz no Teatro Frei Caneca. A participação da atriz é por meio de projeções gravadas. Assim, ela consegue tempo para estar no Rio na minissérie Eu, Minha Avó e a Boi, de Miguel Falabella, com previsão de estreia no Globoplay até o fim do ano. O trabalho é inspirado em uma conta do Twitter.

Quem acompanha Vera nas redes sociais percebe que ela usa a web como um canal artístico. “Quase não sigo pessoas, só museus e veículos de comunicação. Fico alheia a fofocas. De vez em quando, intercaladas com exposições do mundo todo, aparecem fotos de um bebê fofo de algum amigo”, diverte-se. Vera tem uma opinião sincera sobre o veículo. “Toda rede social é uma ficção, porque todos criam uma persona fictícia, de como desejam ser vistos”, acredita a atriz, que tira as fotos para o Instagram da sala de seu apartamento, nos Jardins.

Publicado em VEJA SÃO PAULO de 10 de julho de 2019, edição nº 2642.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s