Clique e assine por apenas 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Dona Jacira, mãe de Emicida e Fióti, lança autobiografia

Intitulada 'Café', a obra remete a um bate-papo na hora do cafezinho na mesa de casa

Por Juliene Moretti - Atualizado em 22 Feb 2019, 13h09 - Publicado em 22 Feb 2019, 06h00

Aos 54 anos, Dona Jacira é a inspiração dos filhos, os cantores Emicida e Fióti. Ela acaba de estrear como autora — lançou a autobiografia Café. “Levei dezoito anos para escrever”, conta. Em uma narrativa que remete a um papo durante um cafezinho na mesa de casa, ela lembra fatos como o racismo que enfrentou desde a infância, a gravidez aos 13 anos e a descoberta do prazer sexual. “As pessoas falam sobre tudo, porém ficam reticentes na hora de perguntar sobre minha intimidade”, observa. “Mas quero falar sobre sexo também.” Dona Jacira fará um bate-papo sobre o projeto neste sábado (23), no Sesc Paulista.

Publicado em VEJA SÃO PAULO de 27 de fevereiro de 2019, edição nº 2623.

Publicidade