Viveiro de 523 metros quadrados do Villa-Lobos foi inspirado em ocas

A bela estrutura do parque foi projetada pelo arquiteto Decio Tozzi

Vistas de cima, as esferas cinza rodeadas pelo verde do Parque Villa-Lobos parecem uma construção futurista. Mas são, na verdade, um viveiro de 523 metros quadrados projetado pelo arquiteto Decio Tozzi e inaugurado em 2010. Ele se inspirou nas ocas de culturas africanas e indígenas que eram objeto de estudo da antropóloga Ruth Cardoso (1930-2008), que dá nome ao orquidário. A estrutura, feita de material metálico e transparente, garante a luz e a ventilação permanentes.

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
Veja também
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s