Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Menina de 7 anos pede emprego para o Google e ganha resposta

"Minha filha de 7 anos escreveu para o CEO do Google pedindo por uma vaga de emprego. Ela é tão determinada que ele respondeu", contou o pai da menina

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 25 fev 2017, 19h59 - Publicado em 16 fev 2017, 17h48

Chloe Bridgewater, uma criança de 7 anos muito madura para a sua idade, sabe que um bom currículo é fundamental para sobreviver no mercado de trabalho. Não à toa, o sonho da menina é trabalhar para o Google, uma das maiores companhias de tecnologia do mundo. Determinada, ela até mandou uma carta pedindo por uma posição na empresa — e recebeu uma resposta!

Querido chefe do Google, meu nome é Chloe e, quando crescer, eu gostaria de um emprego no Google. Eu também gostaria de trabalhar numa fábrica de chocolate e ser uma atleta olímpica, pois nado aos sábados e quintas-feiras. Meu pai disse que eu posso sentar em pufes confortáveis, usar escorregadores e andar em karts no Google. Eu também gosto de computadores e tenho um tablet onde eu brinco com alguns jogos“, começa a divertida correspondência, a única carta que a menina escreveu além do recado para o Papai Noel.

A jovem candidata, então, continua: “Meu pai me deu um jogo onde eu preciso mexer um robô para cima e para baixo em pequenos quadrados e ele diz que será bom para o meu futuro aprender sobre computadores. Ele também me disse que me dará um computador um dia. Eu tenho 7 anos de idade e meus professores já falaram para os meus pais que eu sou muito boa na sala de aula. Eu também soletro muito bem e sou uma boa leitora“, escreveu — a menina está fazendo um caso bastante convincente, não?

sem-titulo-3

Eu espero continuar aprendendo para, um dia, conseguir um trabalho no Google. A minha irmã mais nova, Hollie, também é muito inteligente, mas ela gosta de bonecas. Ela tem 5 anos de idade. Meu pai sugeriu que eu mandasse meu currículo para tentar conseguir um emprego no Google. Eu não sei o que isso significa, mas ele disse que uma carta seria o suficiente“, completa a jovem. Na sequência, ela termina: “Obrigada por ler a minha carta, eu só escrevi uma dessas para o Papai Noel!“, diz.

O interesse de Chloe pelo emprego no Google surgiu quando ela perguntou ao seu pai, Andy Bridgewater, o que ele gostaria de fazer se não consertasse refrigeradores. O homem respondeu que gostaria de trabalhar na empresa de tecnologia, e mostrou algumas fotos do escritório para a menina. O que a família não esperava era que a carta, enviada como uma brincadeira, ganhasse uma resposta. As informações são do site Bored Pand.

Continua após a publicidade

Querida Chloe, muito obrigado por sua carta. Fico feliz que você goste de computadores e robôs, e espero que você continue aprendendo sobre tecnologia. Eu acho que, se você continuar trabalhando duro e seguindo seus sonhos, você poderá conquistar tudo o que quiser — desde trabalhar no Google até nadar na Olimpíada. Eu estou ansioso para receber o seu currículo quando você se formar no colégio“, diz o recado, enviado pelo CEO da empresa, Sundar Pichai.

  • A resposta surpreendeu a família. Após receber a carta, Andy publicou a resposta em seu perfil pessoal no Twitter: “Minha filha de 7 anos de idade escreveu para o CEO do Google pedindo por um emprego, ela é tão determinada que ele respondeu“, escreveu. Em poucos dias, a história chamou a atenção dos internautas e já recebeu mais de 1 500 curtidas. Confira: 

    Dê sua opinião: E você, o que achou da incrível história? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

    Continua após a publicidade
    Publicidade