Mulher manda recado após ser única mãe a presentear professora na Páscoa

Paula Gabriela Kalisak chamou atenção ao usar a plataforma para fazer um desabafo que já foi compartilhado mais de 9 200 vezes

Paula Gabriela Kalisak está dando o que falar no Facebook: a pastora chamou atenção na rede social ao usar a plataforma para fazer um desabafo que já foi compartilhado por mais de 9 200 vezes em poucos dias. Na mensagem, a moradora de Araçatuba, no interior de São Paulo, escreveu sobre a necessidade de lembrar dos professores. Isso ocorreu depois que ela descobriu que a filha foi a única aluna a levar uma lembrancinha de Páscoa para a mestre.

Honre a professora do seu filho!“, pediu Paula na mensagem. “Esse ano Anna Lígia começou a estudar em uma escola pública da prefeitura. Chegando a Páscoa, mantivemos o costume de enviar uma lembrancinha para a professora dela: uma cartinha sobre o verdadeiro significado da Páscoa, para demonstrar nosso carinho e gratidão por ela se desgastar tanto ao educar nossa filha“, revelou na publicação.

Quando a Anna chegou da escola perguntei se ela havia entregue o presentinho para professora e ela confirmou. Perguntei se a professora havia ganho muitos presentes e a resposta me chocou. Ela disse que APENAS ela havia dado um presente. Que a professora leu a cartinha, achou linda e agradeceu. Eu pensei “por que será que as mães não enviaram nada para honrar e agradecer por essa mulher cuidar e educar nossos filhos durante 80 horas do mês?” Afinal, ela cuida de uma sala lotada sozinha, ganha um salário baixo por uma vocação… Para mim, é óbvio que ela merece todo apoio, reconhecimento e incentivo por parte de nós, pais“, escreveu Paula, inconformada, no Facebook. 

Na sequência,  continuou: “Percebi que as pessoas acreditam que ela não faz mais que a obrigação, é paga para isso. Eu pago impostos e o governo tem que colocar alguém que eduque meus filhos, e ele tem que receber comida, material escolar, uniforme e ensino gratuitos. Acredito que isso é legítimo, mas é necessário ampliar nossa visão. O fato não é dar presente, mas sim a demonstração e valorização de uma profissional que marca a vida dos nossos filhos diariamente“, esclareceu.

Eu me lembro do rosto e do nome de cada professora que tive no meu primeiro ciclo do ensino fundamental. Sabe por quê? Fui marcada profundamente pelas minhas primeiras professoras e quero que minha filha tenha essas marcas feitas por essas mulheres que trabalham por uma vocação. O retorno financeiro é baixo, elas ganham muito pouco pela importância do seu trabalho e todos nós sabemos disso“. 

Em relação aos salários baixos, não podemos fazer muito. Mas incentivar, honrar, agradecer, mimar (seja com palavras, lembrancinhas ou com qualquer coisa para retribuir o que elas fazem diariamente por nós) é nosso papel de pais. Honre a professora do seu filho. O ensino vem pelo exemplo“, finalizou. Confira: 

Dê sua opinião: E você, o que achou do desabafo compartilhado pela professora? Deixe seu comentário e aproveite para curtir a nossa fanpage no Facebook!

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s