Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Diego Hypólito quebra silêncio sobre polêmica no ‘Faustão’, mas apaga post

A ausência do ginasta Diego Hypólito em um quadro do Domingão do Faustão, ontem (17), provocou uma situação polêmica que se arrastou durante toda a edição do programa dominical e continuou a render falatório nas redes sociais. Inconformado com o veto ao atleta, o apresentador Fausto Silva criticou duramente o Comitê Olímpico do Brasil (COB). […]

Por VEJASP Atualizado em 26 fev 2017, 11h09 - Publicado em 18 jul 2016, 11h24

faustaodiego

A ausência do ginasta Diego Hypólito em um quadro do Domingão do Faustão, ontem (17), provocou uma situação polêmica que se arrastou durante toda a edição do programa dominical e continuou a render falatório nas redes sociais. Inconformado com o veto ao atleta, o apresentador Fausto Silva criticou duramente o Comitê Olímpico do Brasil (COB). Entenda o caso.

+ Mãe compartilha foto mostrando lado ‘sem censura’ da maternidade e faz sucesso

De acordo com Fausto, Diego foi impedido de entrar no palco do programa minutos antes do início do quadro Ding Dong. Nos bastidores, o atleta teria chorado e sido socorrido por bombeiros. Depois do programa, Diego deu sua versão do caso nas redes sociais. “Preciso esclarecer que o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, nada tem a ver com essa minha não participação no programa”, escreveu. O post foi deletado por ele logo depois. Confira:

“Pessoal, sobre a minha não participação no programa do Faustão, que estava agendada para hoje, gostaria de deixar claro uma coisa: meu foco hoje é o meu treinamento, meu objetivo é representar bem o meu país, que eu tanto amo. Admiro muito o programa do Fausto, que sempre me tratou com o maior carinho, mas preciso esclarecer que o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, nada tem a ver com essa minha não participação no programa. Escrevo isso da minha conta pessoal do Instagram, para afirmar que sempre tive e tenho uma excelente relação com o COB, que vem me dando, junto com a CBG, as melhores condições de treinamento”.

A controvérsia principal do programa foi provocada por críticas que Faustão fez a Nuzman. De acordo com o apresentador, impedir a participação de Diego teria sido, “uma decisão imbecil“. Nos blocos seguintes, o apresentador leu um comunicado do COB para esclarecer a situação.

“Na verdade, o Diego não deve ter vindo por que teve problema com o treinador dele, o Fernando Carvalho, acusado de abuso sexual. Mas a gente esperava ele aqui”, disse. “O Diego estava aqui. Pouco antes de entrar no palco, ele recebeu telefonema de alguém do Comitê Olímpico dizendo que não era para entrar, que ele seria expulso das Olimpíadas. Jaime Praça (diretor do programa), manda ligar para o Arthur Nuzman para dar resposta à sociedade brasileira porque este tipo de censura e punição a um atleta do nível do Diego que vem para um programa de televisão para uma competição musical e acaba ameaçado. A sociedade brasileira espera uma posição de Carlos Arthuz Nuzman, que não deve aparecer”, afirmou Faustão.

Segundo nota da assessoria de imprensa do COB, a decisão partiu de Marcos Goto, atual treinador de Diego. “Por fim, esclarecemos que o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, foi ofendido injustamente, sem que tivesse qualquer participação no fato, uma vez que em nenhum momento foi consultado ou participou dessa decisão“.

Confira o vídeo do programa do Faustão:

Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Continua após a publicidade

Publicidade