Clique e assine por apenas 6,90/mês
Blog do Miguel Por Miguel Barbieri Jr. Fique por dentro das melhores dicas de filmes e séries.

Henry Cavill e Millie Bobby Brown estrelam filme sobre família Holmes da Netflix

A plataforma de streaming revelou na manhã desta quinta-feira (25) as primeiras fotos do filme "Enola Holmes", estrelado pela atriz de "Stranger Things"

Por Tatiane Rosset - 25 Jun 2020, 11h01

As histórias escritas por Arthur Conan Doyle no começo do século XX para o personagem Sherlock Holmes já ganharam inúmeras adaptações para as telas. Agora, chegou a vez da irmã mais nova do famoso detetive ganhar o holofote: a Netflix revelou na manhã desta quinta-feira (25) as primeiras fotos do filme original Enola Holmes, estrelado por Millie Bobby Brown — a Eleven do seriado Stranger Things

Aparecem ainda no elenco Henry CavillSam Claflin Helena Bonham-Carter. A história da produção é inspirada na série de livros “Enola Holmes”, escrita por Nancy Springer e tem roteiro de Jack Thorne. Com direção de Harry Bradbeer — diretor de séries como Fleabag Killing Eve –, a produção chega à plataforma on-line em setembro de 2020.

+ Assine a Vejinha a partir de 6,90

O filme se passa em 1884, na Inglaterra. Na manhã de seu aniversário de 16 anos, Enola Holmes descobre que a mãe (interpretada por Bonham-Carter) desapareceu, deixando para trás alguns presentes enigmáticos e um grande mistério sobre seu paradeiro. Após passar os primeiros anos de vida aproveitando uma grande liberdade, a adolescente passa a viver sob os cuidados dos irmãos mais velhos Sherlock (Cavill) e Mycroft (Claflin), que decidem mandá-la para uma escola de etiqueta para aprender boas maneiras. Indignada, Enola foge da instituição e segue caminho para Londres, em busca da mãe desaparecia. A jornada da adolescente a coloca diante de um mistério envolvendo um lorde fugitivo, e ela acaba descobrindo uma conspiração que pode alterar o curso da História. Ela, então, se transforma em uma investigadora de respeito — capaz até de superar seu famoso irmão.

Continua após a publicidade

View this post on Instagram

this time Sherlock’s sister is on the case. Millie Bobby Brown, Henry Cavill, Sam Claflin and Helena Bonham Carter star in ENOLA HOLMES, only on Netflix, this September 🔎

A post shared by Netflix US (@netflix) on

Continua após a publicidade

A produção, no entanto, está enfrentando algumas polêmicas: os representantes do espólio do autor Arthur Conan Doyle entraram com um processo contra a Netflix por infração nos direitos autorais e marcas registradas do autor. 

A disputa por direitos referentes à obra do autor, que morreu em 1930, não é nova. Em 2014, casos ligados ao espólio de Doyle sofreram diversas derrotas na Justiça dos Estados Unidos. Agora, os advogados querem diferenciar o que é de domínio público — e o que não é. Os representantes afirmam que há traços emocionais no personagem que precisam ser respeitados, seguindo a obra de Conan Doyle, e que Holmes evoluiu com o tempo, como personagem. Eles se referem às obras de 1923 e 1927, que ainda não são de domínio público. 

Depois das histórias de domínio público e antes das com direitos autorais, aconteceu a 1ª Guerra Mundial. Nela, Doyle perdeu seu filho e seu irmão. Quando ele volta a Holmes, nas histórias com direitos autorais de 1923 a 1927, já não era suficiente que o personagem fosse só brilhantemente racional e com uma mente analítica. Holmes precisava ser humano. O personagem precisou de um desenvolvimento humano de conexão e empatia”, diz o argumento dos advogados que representam o espólio de Conan Doyle. O processo cita o filme que chega à Netflix em setembro. 

Em 2015, a Miramax foi processada de forma semelhante por “Sr. Sherlock Holmes”. A disputa acabou em um acordo entre as partes. 

Publicidade