Clique e assine por apenas 6,90/mês
Memória Por Blog Uma viagem no tempo às décadas passadas por meio de suas histórias, costumes e curiosidades.

Momentos para relembrar o Garoto Bombril

Protagonizada por Carlos Moreno, campanha foi a que ficou mais tempo no ar em todo o mundo

Por Roosevelt Garcia - Atualizado em 25 Feb 2017, 19h58 - Publicado em 17 Feb 2017, 12h56

O ator Carlos Moreno foi finalmente aposentado dos comerciais de Bombril após quase quarenta anos e uma menção no livro Guinness dos recordes como personagem da campanha publicitária que ficou mais tempo no ar em todo o mundo.

A longevidade não é por acaso. A campanha acompanhava as mudanças sociais do Brasil, sempre mostrando seu personagem atrelado a algum assunto pertinente à época, mas sem perder a sua essência e simplicidade. Ele foi o anti-herói, e conseguia falar diretamente com a dona de casa, sem ser machista, ou feminista.

No final dos anos 70, o personagem de Marco Nanini na novela Gabriela era desajeitado e tímido, e provocava delírios nas mulheres brasileiras. O Garoto Bombril foi parcialmente inspirado nesse personagem, pois os publicitários perceberam que o público feminino se identificava com esse tipo de homem.

Washington Olivetto, um dos criadores do personagem, só tece elogios ao ator que o interpreta: “Ele tem mais de 1,80 metro de altura, mas parece ser pequeno e frágil nos comerciais, e sua incrível capacidade interpretativa permite que ele seja vários personagens, sem nunca deixar de ser ele mesmo”, declara.

Continua após a publicidade

Nesses anos todos, o Garoto Bombril foi “bicho grilo”, cientista, político, jogador de futebol, técnico de futebol, uma infinidade de caricaturas de celebridades de TV, e até o Pikachu! Pelos cálculos do ator, foram mais de 400 comerciais de TV, sem contar as campanhas impressas.

Veja aqui alguns comerciais inesquecíveis dessa campanha: 

Teste de elenco + primeiro comercial da campanha:

Primeiro comercial do produto Bombril:

Continua após a publicidade

Demitido e readmitido:

Personagens:

Bill Clinton:

Nelson Ned:

Continua após a publicidade

Publicidade