Clique e assine com até 89% de desconto
Bichos Tudo sobre o mundo pet por Veja São Paulo. Quer sugerir uma pauta? Envie para alice.padilha@abril.com.br

Brasil registra primeiro gato com Covid-19

Em Cuiabá, no Mato Grosso, felino contraiu a doença depois de os donos se infectarem em uma festa

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 19 out 2020, 12h28 - Publicado em 19 out 2020, 11h48

Em Cuiabá, no Mato Grosso, foi descoberto o primeiro gato a testar positivo para a Covid-19 no Brasil. O animal de poucos meses contraiu a doença dos donos este mês, mas não apresentou nenhum sintoma. A possível infecção de outros animais ainda está em estudo.

O animal doméstico foi testado positivo em um exame de alta precisão conduzido pela pesquisadora Valéria Dutra, professora da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT). A gata pertence a um casal com filho. Todos foram infectados, provavelmente, em uma festa de família em setembro deste ano. Assim como a gata, a criança permaneceu assintomática enquanto os pais apresentaram sintomas.

Além do felino, um segundo gato e um cachorro, também de pessoas presentes na festa, testaram positivo para a Covid-19.

O caso serve de alerta para os donos tomarem cuidado com seus animais, assim como deve-se fazer com outras pessoas. Ainda está sob investigação a possibilidade de os bichinhos de estimação serem capazes de transmitirem para humanos. No entanto, ainda não há nenhuma comprovação científica.

Na China, um laboratório identificou que é possível felinos transmitirem a doença entre si. Porém, mesmo com a possibilidade, a hipótese inicial é de que isso não ocorra facilmente.

Cuidando dos bichinhos

Para manter os animais de estimação seguros, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos recomenda não permitir a saída livre dos gatos para a rua e permanecer com eles em casa o quanto for possível.

Cachorros de diferentes donos devem manter a distância de 2 metros entre si. As aglomerações, além de serem evitadas pelas pessoas, também devem ser pelos animais. E não é recomendado colocar máscara nos bichinhos. Isso pode machucá-los.  

  • Continua após a publicidade
    Publicidade