Rede veterinária inaugura centro oncológico inédito

Espaço de radioterapia abriu as portas em janeiro no Morumbi

No fim de janeiro, a rede Pet Care inaugurou um centro oncológico para bichos no bairro do Morumbi. Foram necessários 110 caminhões de concreto para erguer o lugar, que possui paredes de até 1,70 metro de largura e uma máquina de radioterapia com tecnologia de ponta, pela primeira vez disponível para animais no Brasil.

Um dos primeiros pacientes foi Rony, de 10 anos. Em 2016, especialistas diagnosticaram no vira-lata um carcinoma nasal. O tumor maligno dificulta sua respiração, além de trazer dores e sangramentos. Assim que sua dona, a veterinária Ana Paula Frezza, soube da chegada do serviço, correu para lá. “Faço o que for preciso para ajudá-lo”, diz.

Moradora de Limeira, ela percorreu durante oito dias os 300 quilômetros de ida e volta do interior à capital em meados de fevereiro para as terapias agendadas. Como a doença se encontra em estágio avançado, os remédios serviram para aliviar o sofrimento do bicho. “As dores do Rony diminuíram e sua qualidade de vida melhorou”, completa Ana Paula.

O físico José Carlos e sua filha, a veterinária Natália: tratamentos de até 15 000 reais (Foto: Ricardo D’Angelo)

O físico José Carlos e sua filha, a veterinária Natália: tratamentos de até 15 000 reais (Foto: Ricardo D’Angelo) (Ricardo D'Angelo/Veja SP)

Dependendo da situação do paciente, são indicadas de uma a vinte aplicações dos feixes de radiação. O preço do tratamento se mostra salgado: entre 6 000 e 15 000 reais. Antes dessa alternativa, as mascotes com a doença tinham a possibilidade de encarar cirurgia e/ou quimioterapia. Porém, há situações que demandam especificamente radioterapia (30% a 40% dos atendimentos da rede), como tumores cerebrais, ósseos, nasais e orais.

O projeto iniciou-se há seis anos. Não existia uma legislação específica para essa área pet, então a equipe do centro realizou ajustes com órgãos governamentais para a instalação do equipamento. Em julho de 2015, o espaço começou a ser construído. Tem capacidade para até dez sessões diárias, que duram cerca de cinquenta minutos cada uma.

O aparelho de radioterapia americano demandou investimento de mais de 3 milhões de reais. “Isso é algo que se vê só em hospitais de ponta para humanos, como o Einstein”, orgulha- se José Carlos da Cruz, físico responsável pelo centro oncológico do Pet Care. Ele trabalhou por anos no próprio Hospital Israelita Albert Einstein até migrar para o universo animal.

Atua no endereço junto da filha, Natália, veterinária que comanda a unidade. “Passei temporadas no Colorado e na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, para estudar o funcionamento do mecanismo por lá”, conta a profissional. Antes da novidade, alguns donos chegavam a viajar a outros países a fim de obter o tratamento.

Carla Berl: a proprietária por trás da Pet Care (Foto: Ricardo DAngelo)

Carla Berl: a proprietária por trás da Pet Care (Foto: Ricardo DAngelo) (Ricardo DAngelo/Veja SP)

Na fila para o atendimento no Pet Care, previamente à inauguração do local, havia quarenta pessoas registradas. Pelo menos treze mascotes foram assistidas até agora. Tutores de outros países, como Chile, também mostraram interesse. Por isso, no espaço da Zona Sul, há um hotel anexo com 27 vagas para os pacientes de fora de São Paulo. No Rio, desde 2011, está disponível para os bichos um equipamento de radioterapia, que recebeu um upgrade no fim de 2016.

Porém, sua tecnologia não se compara à do Pet Care, do tipo acelerador linear. “O sistema deles tem alta penetração nos tecidos e atinge o tumor, protegendo as áreas saudáveis ao redor”, explica Simone Cunha, do carioca Oncopet. Fundada em 1990, a rede Pet Care virou referência na área. Tem quatro unidades em São Paulo, todas 24 horas. No total, realiza aproximadamente 140 atendimentos por dia. Prevêse que em sete anos sejam abertos mais vinte endereços, inclusive fora do estado.

Por trás da empresa está a veterinária Carla Berl. Ela conta com parceiros em parte do negócio, a exemplo da firma Joá, que tem em seu quadro societário o apresentador Luciano Huck. A companhia desenvolve tratamentos com células-tronco, investe em especialistas e faz complexas cirurgias cardíacas. A consulta está entre as mais caras da cidade. O encontro com o clínico- geral custa de 297 a 361 reais.

Centro Oncológio Pet Care. Rua João Avelino de Pinho Mellão, 321, Morumbi, ☎ 2507-4616 ou ☎ 2507-4525. radioterapia@petcare.com.br.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s