Takara – A Noite em que Nadei

Tipos de Gêneros dramáticos: Aventura, Drama
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

O instigante O Parque foi lançado em maio e, agora, o diretor francês Damien Manivel volta às telas, numa parceria com o japonês Kohei Igarashi, em Takara — A Noite em que Nadei. Sem um único diálogo e embalado pela versão para piano de As Quatro Estações — Primavera, de Vivaldi, o roteiro minimalista fica todo em cima de Takara Kogawa (foto). Seu pai sai para trabalhar num mercado de peixe quando ainda está escuro. Ao amanhecer, o garoto vai para a escola e encontra as ruas cobertas de neve. Sua jornada será repleta de imprevistos tendo o sono como uma das principais dificuldades para a concentração. Visualmente lindo e ambientado num Japão sob rigoroso inverno, o filme cativa pela simplicidade, mas, como o gelo, a boa sensação derrete em minutos. Direção: Damien Manivel e Kohei Igarashi (Takara, La nuit Où j’ai Nagé, Japão/França, 2017, 78min). Livre. Estreou em 30/8/2018.

    info
  • Direção: Damien Manivel e Kohei Igarashi
  • Duração: 78 minutos
  • Recomendação: Livre
  • País: França e Japão
  • Ano: 2017
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s