Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Coisa de Louco

VejaSP:

Resenha por Dirceu Alves Jr.

Tímido e com a fala atropelada, o ator paulistano Nilton Bicudo, de 46 anos, esperou duas décadas de carreira para enfrentar o palco sozinho. Pela primeira vez em um monólogo, ele mostra uma desenvoltura capaz de tirar proveito de sua personalidade retraída. Na tragicomédia escrita por Fauzi Arap, Bicudo vive um contador separado da mulher, pai de dois filhos e endividado até o último dos poucos fios de cabelo. Em cima da hora, o sujeito é convidado para ministrar uma palestra sobre drogas em troca de um cachê. Apesar de não ter preparo algum, improvisa e usa a crise pessoal como tema. Dirigido por Elias Andreato, o protagonista se vale das tiradas críticas do texto e surpreende com um estilo de humor cada vez mais raro, o de parecer engraçado sem se esforçar. Em uma linha próxima à que consagrou o comediante e cineasta americano Woody Allen, o intérprete leva o público a pensar que ele debocha de si mesmo e, estreitando o limite entre ator e personagem, garante a empatia. Estreou em 08/05/2012. Até 12/12/2012.

    info
  • Direção: Elias Andreato
  • Duração: 55 minutos
  • Recomendação: 14 anos
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.