Internet

Como se dar bem no YouTube

Kéfera, Christian Figueiredo, Whindersson Nunes e outras estrelas virtuais contam como fazer um canal bombar

Por: Tatiana Izquierdo e Bárbara Öberg - Atualizado em

kefera
A youtuber Kéfera: a estimativa de ganhos no último ano é de 3 milhões de reais (Foto: Leo Martins)

Em tempos em que os youtubers viraram verdadeiras celebridades, chegando a faturar milhões, muita gente quer pegar carona nesse sucesso. Mas como se dar bem no site de vídeos? Aqui vão conselhos de estrelas da área e do chefe do YouTube no Brasil.

+ Youtubers: ganhos altos, fãs apaixonados e convites para TV e cinema

Multiplique as apostas

“Você pode tentar mais de uma área para ver o que dá certo, de turismo a maquiagem. Só não vale perder sua identidade. Meu estilo, por exemplo, é fazer careta, falar palavrão...” Kéfera

Fique sempre ligado

“Ideias surgem de onde menos você espera, então eu registro no bloco de notas do celular o que pode render.” Kéfera

Domine bem o tema

“Opte por assuntos que você entenda para que o trabalho seja duradouro. Só dois ou três vídeos não vão alavancar um canal.” Caio Novaes

Mantenha as atualizações

“Produzir conteúdos novos semanalmente ajuda a conseguir uma audiência engajada. Quem gostou vai voltar toda semana.” Maurício Meirelles

Alterne a duração

Mescle vídeos longos com curtos na sua página. Quem aprovou os mais breves pode assistir aos extensos, e isso melhorará a métrica de watch time (tempo de visualização), que é bem importante.” Juliano Prado

+ Youtubers elegem seus endereços gastronômicos preferidos

Busque um diferencial

“Há espaço para todo mundo, mas é preciso fazer coisas diferentes. Se há outros falando de velocidade, seja o único que pilota com uma motocicleta pendurada no pescoço (risos)." Whindersson Nunes

Preste atenção aos dados

“Observe os números do YouTube para analisar seu público (além da contagem de visualizações, é possível acompanhar, por exemplo, por quanto tempo os vídeos foram de fato vistos). Christian Figueiredo

Interaja com a audiência

“Não deixe de conversar com os fãs, não só no YouTube, mas em outras redes sociais, e ouça o que eles querem ver.” Pedro Rezende

Releve os haters

“Lidar com opiniões é ter de dar a cara a tapa. Não dá para surtar com tudo o que você lê na internet e achar que vai agradar a todos.” Bruna Louise

Estabeleça parcerias

Fazer colaborações com outros youtubers pode ser uma boa forma de ganhar mais fãs. É preciso, porém, pensar em maneiras interessantes de combinar estilos diversos. Um canal que fala de esporte pode produzir vídeo com alguém de gastronomia sobre como preparar petiscos para assistir a uma partida de futebol." Eduardo Brandini (diretor de conteúdo do YouTube no Brasil)

Fonte: VEJA SÃO PAULO