Mistérios da Cidade

São Paulo leva quatro representantes para os Jogos de Inverno

No total, a edição de Sochi, na Rússia, terá doze brasileiros, um recorde de representantes

Por: Maurício Xavier [Com reportagem de Nathalia Zaccaro e Raphael Martins] - Atualizado em

Mistérios - São Paulo Abaixo de Zero
Leandro Ribela, atleta do ski cross country (Foto: Divulgação/ Confederação Brasileira de Desportos na Neve)

Apesar do clima tropical, o Brasil deverá ter doze atletas nos Jogos Olímpicos de Inverno, a partir de sexta (7), em Sochi, na Rússia. Trata-se de um recorde de representantes para o país.

Entre eles, dois são nascidos ou radicados na Grande São Paulo. O chefe da missão brasileira na competição e um reserva do bobsled também são daqui (abaixo, um breve currículo deles).

Davidson de Souza: conhecido como Bokão, mora em Barueri. Praticou atletismo antes de chegar ao bobsled. É reserva da equipe nacional.

Edson Bindilatti: também do bobsled, vive em Santo André. Participou dos Jogos de Inverno de 2002 e 2006 antes de assumir o posto de piloto e capitão do time.

Leandro Ribela (foto): mora em São Paulo durante a maior parte do ano, mas se instala na Europa entre os meses de novembro e fevereiro para disputar os torneios de sua modalidade, o ski cross country.

Stefano Arnhold: nascido na capital, conquistou sete títulos brasileiros de esqui alpino até se tornar dirigente. É o atual presidente da Confederação Brasileira de Desportos na Neve e vai chefiar a delegação em Sochi.

Fonte: VEJA SÃO PAULO