Mistérios da Cidade

São Paulo mais iluminada

Lâmpadas terão um brilho mais claro e azulado

Por: Marcelo Moura [com reportagem de João Batista Jr.] - Atualizado em

Teatro Municipal e Viaduto do Chá_mistérios da cidade 2180
Lâmpadas de vapor de sódio dão ao Teatro Municipal e ao Viaduto do Chá um tom de sépia (Foto: Mario Rodrigues)

Na próxima semana, a prefeitura começa a implantar algumas mudanças na iluminação da cidade. As lâmpadas de vapor de sódio que dão ao Teatro Municipal e ao Viaduto do Chá (foto) um nostálgico tom de sépia serão trocadas por similares de vapor metálico, com brilho mais claro e azulado. Já a Rua Avanhandava, também no centro, será a primeira da metrópole a contar com iluminação por leds, que consomem menos e duram mais. Cerca de 9 000 lâmpadas queimam por mês na capital e são trocadas por 108 funcionários, ao custo de 250 000 reais. A administração municipal gasta ainda 10 milhões de reais com conta de luz. São Paulo tem 505 000 pontos de iluminação pública, com 563 000 lâmpadas — mais que o triplo de Paris, conhecida como Cidade Luz.

Fonte: VEJA SÃO PAULO