Cidade

Rompimento em tubulação da Sabesp provoca cratera em rua da Zona Oeste

Buraco tem mais de dez metros de comprimento e interrompeu o tráfego na via

Por: Estadão Conteudo - Atualizado em

cratera
Tubulação se rompe e abre cratera na Zona Oeste de São Paulo (Foto: Newton Meneses/Futura Press/Estadão Conteúdo)

O rompimento de uma tubulação da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) provocou uma cratera na Rua Homero Sales, no Parque São Domingos, região de Pirituba, zona oeste da capital paulista.

Por causa das obras de reparo, o fornecimento de água na via precisou ser interrompido, mas não impactou outros locais. Com mais de dez metros de comprimento, o buraco também interrompeu o tráfego na rua.

A cratera começou a se formar na tarde de quinta-feira (26), após o vazamento revirar a terra sob a pavimentação. Moradores da região acionaram os técnicos da Sabesp, que interrompeu o abastecimento de água na rua por volta das 20 horas. Não houve alagamento na região. Para localizar o vazamento, foi preciso aumentar ainda mais a cratera.

"A Sabesp está concluindo o conserto, o restabelecimento do fornecimento de água e o fechamento do buraco", afirma a companhia, em nota. A previsão é que a área seja aterrada até o final desta sexta-feira (27). A pavimentação só devera ser feita no dia seguinte. 

PinheirosNa manhã de quarta-feira (25), um vazamento interditou trecho da Rua João Moura, em Pinheiros, na zona oeste. Em um prédio da João Moura, 11 carros estacionados na garagem ficaram submersos. Uma investigação foi instaurada para analisar e verificar falhas no serviço na região e a companhia informou que os prejuízos causados pelo acidente serão indenizados pela empresa.

+ Últimas notícias

Fonte: VEJA SÃO PAULO