Receitas - prato principal

Receita de frango caipira do A Figueira Rubaiyat

De preparo simples, a ave ganha a companhia de espinafre, cenoura e tiras de presunto cru gratinados

Por: Marcela Besson e Uiara Araújo - Atualizado em

Ingredientes

Frango

1 frango caipira (1,5 quilo)

2 ramos de alecrim

10 a 12 ramos de tomilho

1 xíc. (chá) de azeite

2 col. (sopa) de mostarda de Dijon

1 col. (sopa) de alho amassado

1 pitada de pimenta

Guarnição

300ml de creme de leite fresco

120g de parmesão ralado

4 cenouras

250g de presunto cru

600g de espinafre

Modo de preparo

Frango

Desosse o frango e mantenha a pele. Desfolhe os ramos de alecrim e de tomilho. Misture-os ao azeite, junte a mostarda, o alho e a pimenta. Jogue esse tempero sobre o frango e deixe marinar por uma ou duas horas.

Depois desse tempo, leve o franguinho à grelha por cerca de doze minutos (oito pelo lado da carne e quatro pelo lado da pele), até que fique dourado.

Guarnição

Descasque as cenouras, corte-as em rodelas finas e disponha em uma assadeira. Despeje uma camada de creme de leite fresco e queijo ralado.

Cubra com papel alumínio e deixe no forno por cerca de 30 minutos. Em seguida, descubra a assadeira e deixe gratinar. Em outra assadeira, coloque o espinafre e leve-o ao forno rapidamente para que murche.

Na seqüência, disponha as fatias de presunto cru sobre o espinafre, coloque a cenoura já cozida e, por último, um pouco de queijo parmesão. Leve ao forno novamente, dessa vez, por três minutos em fogo alto.

Dificuldade: baixa

Rendimento: 5 porções

Tempo: 2 horas

Sobre A Figueira Rubaiyat

É um dos restaurantes mais bonitos e concorridos da cidade. Empresta charme ao local uma soberba figueira secular. Em torno dessa árvore foi erguido o salão principal, disputado pela clientela composta não só de paulistanos, mas também de turistas do Brasil e de outros países. Na cozinha, o chef potiguar Francisco Gameleira, o Chicão, faz o caixote de crustáceos (cavaquinha, vieira, lagostim, camarão e pitu cozidos com arroz italiano), prato-assinatura da casa, além de delícias como baby costelinha de cordeiro.

Sobre o frango caipira

:: Características: possui sabor silvestre e sua carne é mais escura que a do frango comum. A ave se esforça para ciscar o alimento, o que torna seus músculos mais rijos e atrasa o peso ideal para abate, só atingido em seis meses. Os de granja, por exemplo, macios e de fraco sabor, são abatidos em quarenta dias, bem gordos.

:: Origem: os frangos caipiras disponíveis hoje nos mercados não são os tradicionais. Eles descendem de uma linhagem desenvolvida na França, híbrida e adaptada ao tipo de criação dito caipira. Levam até 100 dias para atingir o peso médio de 2 quilos. Ficam confinados e comem ração nas primeiras semanas de vida. Depois, saem durante o dia para ciscar alimentos, como milho e folhas. A vantagem é que não recebem alimento de origem animal, antibióticos ou aditivos químicos.

O frango caipira servido nos restaurantes da rede Rubaiyat é criado na fazenda da família Iglesias, em Dourados,

Mato Grosso do Sul. Por ano, a fazenda produz cerca

de 48 000 franguinhos.

:: Pratos tradicionais: o frango caipira tem presença garantida na cozinha brasileira. As versões mais populares são galinhada, frango ao molho pardo e frango com quiabo.

Fonte: VEJA SÃO PAULO