Esporte

Na Copa, lata de cerveja no estádio custará 10 reais

Preços estarão mais salgados do que os praticados na Copa das Confederações; porção de linguiça será vendida por 15 reais

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Mistérios - Itaquerão
Inauguração da Arena Corinthians está prevista para o dia 10 de maio, em amistoso entre elenco atual e ídolos do Timão (Foto: Bruno Alencastro / Folhapress)

Matar a fome ou a sede em um dos 12 estádios da Copa do Mundo sairá mais caro que na época da Copa das Confederações, em junho do ano passado. A Fifa divulgou nesta segunda-feira (26) os valores das bebidas e comidas que serão vendidas nas arenas durante o Mundial. O evento será realizado entre 12 de junho e 13 de julho.

+ O melhor de São Paulo e outras cidades-sede na Copa

+ Confira também a versão em inglês

A cerveja, tanto a nacional quanto a importada, teve acréscimo de 1 real em relação ao torneio do ano passado. O produto brasileiro, de 473 ml, o chamado "latão", custará 10 reais. A bebida estrangeira, com a mesma quantidade, sairá por 13 reais e uma lata de 350 ml de cerveja sem álcool será comercializada por 6 reais.

Confira a tabela com os jogos da Copa

Já a garrafa de 500 ml de água sairá por 6 reais, enquanto o refrigerante custará 8 reais a garrafa de 600 ml, 2 reais a mais que na Copa das Confederações.

+ Veja bons programas na cidade para entrar no clima do Mundial

Na hora da fome, os torcedores encontram quitutes padrões em todas as cidades-sede como cheeseburger, batata-frita, sanduíche (de frango, peito de peru e vegetariano), cachorro-quente, amendoim, chocolate e sorvete, com valores de 8 a 10 reais cada um.

A Fifa criou ainda um cardárpio regional para algumas arenas. Além de porções de carne, frango e linguiça, todas vendidas a 15 reais, os torcedores poderão provar o feijão-tropeiro em Belo Horizonte (15 reais), tambaqui com fritas em Manaus (13 reais), tapioca em Recife (8 reais), e acarajé em Salvador (8 reais). Um dos itens regionais mais baratos dentro os 12 estádios será o carioca biscoito de polvilho (5 reais).

As compras só poderão ser feitas usando cartões da bandeira Visa - patrocinadora do evento - ou em dinheiro. Resta para os visitantes consumir os ítens apenas dentro dos estádios, já que o trabalho de ambulantes do lado de fora das arenas está proibido pela Lei Geral da Copa e não será possível entrar nos jogos com alimentos e bebidas. Confira os valores abaixo:

preços-Copa
(Foto: Reprodução / Fifa)

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO