Abastecimento

Nível da Cantareira chega a novo recorde negativo, com 9,4%

Nesta semana, o sistema ficou abaixo dos 10% de sua capacidade pela primeira vez desde que o volume morto passou a ser utilizado

Por: Redação Veja São Paulo - Atualizado em

Sistema Cantareira edição 2374
Nível do reservatório cai 0,1% ao dia (Foto: Luis Moura / Estadão Conteúdo)

O sistema Cantareira voltou a bater um recorde negativo neste sábado (13), atingindo 9,4% da capacidade de sua reserva técnica, segundo o balanço divulgado pela Sabesp. Nesta semana, o nível baixou dos 10% pela primeira vez desde que o chamado volume morto começou a ser usado, no dia 16 de maio.

+ Volume morto: tire suas dúvidas sobre a qualidade da água

A média de queda no principal manancial de abastecimento da capital tem sido de 0,1% por dia.Para ajudar a gerenciar a crise, os sistemas Guarapiranga e Alto Tietê já assumiram 2 milhões dos 8,8 milhões de usuários do Cantareira. Segundo os boletins meteorológicos, até há pouca chance de chover forte sobre as represas nos próximos dois meses.

+ Confira as últimas notícias de cidade

Fonte: VEJA SÃO PAULO