POLÍTICA

MTST invade prédio da Presidência da República em São Paulo

Integrantes protestam contra cortes no 'Minha Casa, Minha Vida' e outras medidas do presidente interino Michel Temer

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

mtst
Ato do MTST ocupou o hall do prédio que sedia o escritório federal por volta das 14h30 (Foto: Reprodução/Facebook)

Um grupo de manifestantes invadiu o prédio da Presidência da República, em São Paulo, na tarde desta quarta (1). O edifício fica na esquina da Avenida Paulista com a Rua Augusta, região central da capital paulista. De acordo com integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto, o ato é contra o presidente em exercício Michel Temer (PMDB).

+ Após caso de estupro, mulheres organizam protesto em São Paulo

+ Grades restringem acesso à casa de Temer na Zona Oeste

Em vídeo publicado na página do MTST, no Facebook, Guilherme Boulos, afirmou no início da tarde desta quarta: "MTST, várias ocupações, trabalhadores sem-teto da periferia de São Paulo acabaram de ocupar o escritório da Presidência da República e vão montar acampamento aqui na Avenida Paulista por conta dos cortes na moradia feitos pelo governo ilegítimo do seu Michel Temer, que suspendeu o programa Minha Casa Minha Vida, cancelou contratações que já estavam feitas e também como resposta à repressão que foi feita em frente à casa do Temer no acampamento montado pelo MTST e pela Povo sem Medo. Este é o objetivo do ato de hoje e deixa claro que nós não vamos recuar, não é com porrada e com polícia que vai fazer o povo recuar da luta", disse.

Por volta das 16h30, um grupo de manifestantes entrou em confronto com a polícia ao tentar evitar a prisão de um homem. Houve tumulto e a PM atirou bombas de efeito moral para conter a multidão. Ao menos uma pessoa foi detida. (com informações de Estadão Conteúdo)

Fonte: VEJA SÃO PAULO