Programe-se

Destaques de domingo (21) na Mostra Internacional de Cinema

No e Perder a Razão estão entre as produções mais elogiadas desta edição

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

A Feiticeira da Guerra
'A Feiticeira da Guerra': representante canadense na briga por vaga no Oscar de filme estrangeiro (Foto: Divulgação)

Veja oito boas opções para o terceiro dia de Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e clique aqui para conferir a programação completa:

Acompanhe criíticas dos filmes no blog de Miguel Barbieri Jr.

A BOA DO DIA:

A FEITICEIRA DA GUERRA (Rebelle, 90min), de Kim Nguyen. Depois de ter sua vila queimada por rebeldes e seus pais assassinados em uma guerra civil na África, a menina Komona é levada para a floresta para lutar como uma criança-soldado. Procurando por abrigo no meio do horror, ela se apega a um garoto um pouco mais velho com cabelos brancos que ela chama de “Mágico” e acaba se apaixonando. Rachel Mwanza venceu o prêmio de melhor atriz na edição deste ano do Festival de Berlim. Cinemark – Shopping Eldorado, 19h

FIQUE DE OLHO:

NO (118min), de Pablo Larraín. O cineasta chileno de Tony Manero (também em exibição na Mostra) reconstitui a guerra de marqueteiros durante o plebiscito de 1988, que definiria a permanência ou não de Pinochet no poder. Venceu prêmio na mostra Quinzena dos Realizadores, em Cannes. Cinemark – Shopping Cidade Jardim, 21h

Estudante
'Estudante': versão inusitada para 'Crime e Castigo' (Foto: Divulgação)

ESTUDANTE (Student, 90min), de Darezhan Omirbayev. A adaptação de Crime e Castigo, obra-prima do russo Fiódor Dostoievski, fez sucesso na mostra paralela Um Certo Olhar, no Festival de Cannes deste ano. Espaço Itaú – Frei Caneca 6, 17h20

OS SELVAGENS (Los Salvajes, 119min), de Alejandro Fadel. Exibido na Semana da Crítica do Festival de Cannes, o drama argentino mostra a jornada de cinco adolescentes que fogem de um reformatório. CineSesc, 19h

Perder a Razão
'Perder a Razão': do diretor de 'Propriedade Privada' (Foto: Divulgação)

PERDER A RAZÃO (À Perdre la Raison, 114min), de Joachim Lafosse. Diretor de Propriedade Privada (2006),o belga reúne a mesma dupla de atores de O Profeta. Na trama, Tahar Rahim vive um rapaz que, embora dependente financeiramente de um médico (Niels Arestrup), decide se casar e ter filhos. A partir daí, surge uma série de conflitos. A produção é a candidata da Bélgica a uma vaga no Oscar de melhor filme estrangeiro. Cine Sabesp, 15h50

Na sua Ausência
'Na sua Ausência': drama familiar (Foto: Divulgação)

NA SUA AUSÊNCIA (J’Enrage de son Abscence, 98min), de Sandrine Bonnaire. Em seu primeiro filme de ficção como diretora, a atriz francesa Sandrine Bonnaire chamou o ex-companheiro William Hurt (foto) para protagonizar o drama familiar. O enredo cobre a trajetória de Jacques (Hurt), que sai dos Estados Unidos para o enterro do pai, na França. Nove anos antes, ele perdeu o filho num acidente e sentiu o peso da culpa. Agora, Jacques quer reconstruir a vida. Para isso, vai estreitar os laços com o filho de sua ex mulher. Espaço Itaú – Frei Caneca 2, 19h10

SOLARIS (idem, 167min), de Andrei Tarkóvski – O longa mais conhecido do diretor russo, lançado em 1972, trata a ficção científica por um viés filosófico. Após enigmáticas transmissões dos remanescentes da estação espacial em órbita no planeta Solaris, o psicólogo Kris Kelvin é enviado para investigar e avaliar a crise que se abateu sobre a equipe de astronautas. Ao chegar lá, Kelvin se depara com o mesmo misterioso fenômeno que aflige a estação de Solaris. Cinemateca – Sala BNDES, 15h

EU NÃO FAÇO A MENOR IDEIA DO QUE EU TÔ FAZENDO COM A MINHA VIDA (idem, 90min), de Matheus Souza. Clara (Clarice Falcão) escolheu fazer medicina pelo simples fato de que toda sua família é formada por médicos. Não era o que ela queria, mas ela também não sabe se existe algo com o qual se identifique. Novo longa do diretor de Apenas o Fim (2008). MIS, 14h

Fonte: VEJA SÃO PAULO