Teatro

"Memória da Cana" volta aos palcos paulistanos

Montagem traz fragmentos de obras de Nelson Rodrigues e de Gilberto Freyre

Por: Dirceu Alves Jr.

Memoria da Cana - teatro - 2226
Memória da Cana: o ator Marcelo Andrade em cena (Foto: Pedro Serapio)

Em dezembro de 2009, o espetáculo Memória da Cana foi eleito pela Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) o melhor do ano. Passados quatro meses, o Prêmio Shell deu à Companhia Os Fofos Encenam os troféus de melhor cenário e direção. Depois de uma temporada carioca, a montagem volta ao palco original, o Espaço dos Fofos, na Bela Vista.

+ Xaveco Virtual: nossa ferramenta para paquerar no Twitter

+ 3 perguntas para... Gerald Thomas

+ Confira as melhores peças em cartaz na cidade

O dramaturgo e diretor Newton Moreno apropriou-se da tragédia "Álbum de Família", de Nelson Rodrigues (1912-1980), e a transpôs para uma fazenda nordestina. Amparado por seis atores, o adaptador mantém-se fiel à tensão do clã de Jonas (Marcelo Andrade) e Senhorinha (Luciana Lyra), que entra em colapso com a volta da caçula Glória (Viviane Madu) do internato. Foram ainda inseridos fragmentos de ‘Casa-Grande & Senzala’, de Gilberto Freyre.

AVALIAÇÃO ✪✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO