EDUCAÇÃO

Alunos da USP vendem manual com ofensas a calouros

Material é assinado pelo Centro Acadêmico Luiz de Queiroz e pela Comissão de Integração da Esalq, de Piracicaba

Por: Estadão Conteúdo

Esalq
Prédio do câmpus da Esalq, em Piracicaba (Foto: Divulgação)

Alunos da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), da Universidade de São Paulo, em Piracicaba, venderam um "manual de calouros" com mensagens ofensivas e de apologia ao consumo de álcool no início do ano letivo na instituição. O material integra o "kit bixo", que também inclui um ingresso para a festa dos calouros da Esalq e traz hinos como: "É pinga, cerveja e chope no barril / As nossas buc... são as melhores do Brasil".

+ Estudante morre após cair do 3º andar de faculdade

O professor do Departamento de Economia, Administração e Sociologia da Esalq Antonio Almeida, que estuda o trote nas universidades há quatorze anos, foi quem relatou a prática. Ele deve fazer denúncia formal à unidade ainda nesta terça-feira (10). A Esalq afirma que tem conhecimento do manual e abrirá sindicância para apurar quem são os autores. A escola ressalta, no entanto, que não patrocinou o material nem esteve envolvida com sua produção editorial e gráfica.

O manual faz apologia do uso de álcool e convida os novos alunos para uma "maratona", competição de ingestão de bebidas alcoólicas semelhante àquela em que morreu Humberto Moura Fonseca, de 23 anos, estudante da Unesp, em Bauru.

+ Confira as últimas notícias

O manual é assinado pelo Centro Acadêmico Luiz de Queiroz (Calq) e pela Comissão de Integração - grupo de alunos responsável pelos eventos para os calouros. A reportagem procurou o Calq por telefone, e-mail e pelas redes sociais, mas não obteve reposta.

Crime

O corpo do adolescente Gabriel Oliveira Maciel, de 17 anos, foi encontrado em uma vala na zona rural de Viçosa, em Minas Gerais. Ele estava desaparecido desde sexta-feira, após participar de festa de calouros.

Fonte: VEJA SÃO PAULO