Bares

La Maison Est Tombée, no Itaim, mostra influência francesa no cardápio

Bombando desde a inauguração com filas constantes na porta, a casa é a nova empreitada dos sócios do concorrido Vacaveia

Por: Marcelo Cobra - Atualizado em

la-maison-est-tombee
O concorrido salão de iluminação indireta: clima de paquera (Foto: Mario Rodrigues)

O agito do Itaim Bibi não para de ganhar bons endereços. Apenas nos últimos meses foram abertos no bairro o Bardega, detentor da maior oferta de vinhos em taça dacidade, o Dezoito Bar, com agenda de bandas e DJs, e o Tatu Bola, cuja happy hour badalada se prolonga pela noite. Outra novidade bacana é o La Maison Est Tombée, uma brincadeira com a expressão em português “a casa caiu”.

la-maison-est-tombee-drinque
Chéri gin n’ tonic: R$ 22,90 (Foto: Mario Rodrigues)

Bombando desde a inauguração em novembro, com filas constantes na porta, o local segue o estilo de uma brasserie, como são chamados os bares franceses dedicados à cerveja. Azulejos brancos nas paredes e iluminação indireta ajudam a compor o ambiente, frequentado por uma moçada bonita e arrumada na faixa dos 30 anos à procura de azaração. Para facilitar a troca de olhares, as mesinhas de madeira ficam bem próximas umas das outras.

Os donos são os mesmos do concorrido Vacaveia, onde reinam as loiras geladas na garrafa. Diferentemente do endereço-irmão, o novo ponto tem entre os chamarizes o chope (Brahma, R$ 5,90). Trata-se, aliás, da segunda investida dessa turma em um bar especializado na bebida — o anterior foi o extinto Choppeta, nos Jardins. Na visita realizada, porém, faltou cuidado com o líquido despejado nas caldeiretas, aguado demais. Vale, contudo, provar os drinques assinados pelo barman Márcio Silva,como o chéri gin n’ tonic (R$ 22,90), mix de gim, água tônica, gotas de bitter, grapefruit, limão-taiti, morango, maçã verde e hortelã.

la-maison-est-tombee-pao-de-queijo
Pão de queijo com ragu de pernil de porco: R$ 25,60 (Foto: Mario Rodrigues)

Aos cuidados do chef Thiago Cerqueira Lima, a cozinha, de pegada francesa com toques brasileiros, também carece de ajustes. O croquete de cordeiro ao molho de hortelã (R$ 28,00), por exemplo, mostrou-se oleoso demais. Prefira a saborosa porção de pão de queijo com ragu de pernil de porco (R$ 25,60). Outro acerto é a tartine de queijo boursin e figo fresco brûlé (R$ 17,50), montada sobre pão tostado na medida.

BEBIDAS ✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | COZINHA ✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO