A festa acabou mal

Jovem morre atropelada por ônibus do Corinthians após comemoração

Jogadores do time estavam dentro do veículo que passou por cima da moça

Por: João Carlos Lopes - Atualizado em

Jovem atropelada - Corinthians - Amanda Ferraz Geremias_2181
Restauradora de móveis Amanda Ferraz Geremias, de 21 anos, foi atropelada pelo ônibus que levava os jogadores do Corinthians (Foto: Paulo Liebert/AE)

Para celebrar seus 100 anos, a diretoria do Corinthians organizou o Show da Virada no Vale do Anhangabaú, no centro, entre a noite de terça (31) e a madrugada de quarta (1º). Além da presença de jogadores da equipe atual e de atletas que já vestiram a camisa alvinegra, o evento contou com shows da dupla sertaneja Maria Cecília & Rodolfo e do grupo Exaltasamba, entre outros artistas. Estima-se que 130 000 pessoas tenham comparecido. À meia-noite, houve queima de fogos, que se espalhou pelos quatro cantos da cidade.

Ao fim da festa, durante um confronto entre torcedores e policiais, quinze ônibus foram depredados. No meio da confusão, a restauradora de móveis Amanda Ferraz Geremias, de 21 anos, foi atropelada pelo ônibus que levava os jogadores do Corinthians, entre a Rua Líbero Badaró e o Viaduto do Chá. Estava com um grupo de amigos e andava próximo ao meio-fio quando o veículo bateu em seu ombro e ela caiu. Apesar de as rodas traseiras do veículo terem passado sobre o corpo de Amanda, o motorista não parou.

Ela foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e morreu a caminho da Santa Casa de Misericórdia. A polícia abriu inquérito para investigar o caso.

Fonte: VEJA SÃO PAULO