Drogas

Ex-modelo Loemy será transferida de clínica e fará trabalho voluntário

Após quatro meses de internação, jovem que morou dois anos na Cracolândia irá para unidade em Mairiporã, onde dará início a reabilitação psicossocial

Por: Adriana Farias

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

A ex-modelo Loemy Marques, de 25 anos, completou quatro meses de internação em uma clínica em Sorocaba para tratamento contra o vício em crack. Na segunda quinzena de abril, ela será transferida para uma unidade em Mairiporã, onde dará início à reabilitação psicossocial. A nova fase deve durar até agosto.

+ Cracolândia: programa da prefeitura tem hotéis insalubres e viciados que recebem sem trabalhar

De acordo com o coordenador terapêutico Sérgio Castillo, a jovem fará atividades externas pela primeira vez, como trabalho voluntário em uma casa de idosos da região.

“A primeira etapa foi a de internação com contingência para ela se adaptar ao tratamento. Agora ela esta em um nível que permite ir para um ambiente com mais liberdade. Vai ser introduzida na sociedade de forma paulatina, monitorada, sempre com acompanhamento terapêutico”, explica.

Loemy também terá atividades de arte-terapia, atendimento psicológico com terapia cognitiva e comportamental, além de trabalhos sobre proteção a recaídas. “Os resultados obtidos recentemente apontaram que ela tem um prejuízo emocional e desenvolver essas ações vão ajudar nesse ponto fraco”.

Com 1,79 metro de altura, ela passou de 60 para 77 quilos, vem recuperando a autoestima e agora sonha em ser psicóloga com especialização em dependência química. Sua história foi revelada por VEJA SÃO PAULO em novembro de 2014. Ela veio do interior de Mato Grosso tentar a carreira de modelo em São Paulo, mas o sonho acabou na Cracolândia, lugar em que viveu por dois anos. O atual tratamento é custeado pela produção do programa Hora do Faro, da Rede Record.

Fonte: VEJA SÃO PAULO