Interior

Estudante alemão morre de overdose em festa de despedida

Rapaz de 23 anos fazia intercâmbio no curso de engenharia civil na cidade de Ilha Solteira

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Jakob Steinmetz
O estudante alemão Jakob Steinmetz morreu em um república na cidade de Ilha Solteira (Foto: Reprodução)

O estudante alemão de 23 anos Jakob Steinmetz morreu na madrugada desta sexta (17) na cidade de Ilha Solteira, interior de São Paulo. De acordo com a polícia, o motivo da morte foi overdose após o rapaz ter ingerido bebidas alcoólicas e drogas durante sua festa de despedida em uma república.

+ "Meu filho não era um viciado", diz pai de Victor Hugo Santos

A polícia informou que o jovem alemão disse a alguns amigos que havia usado LSD, um tipo de droga alucinógena, pelas vias nasais. O delegado Miguel Ângelo Micas afirmou ao portal de notícias G1 que o corpo do alemão irá para o Instituto Médico Legal (IML) para que seja realizada uma perícia mais detalhada.

Um exame toxicológico deve apontar se houve ingestão de droga e se isso foi a causa da morte. Testemunhas disseram à polícia que o rapaz ingeriu as substâncias antes de ir a um show. Depois do evento, ele e os amigos iriam para sua festa de despedida, já que Jakob deixaria o país.

+ Confira as últimas notícias

O rapaz estava em São Paulo para um intercâmbio no curso de engenharia civil da Universidade Estadual Paulista (Unesp). O consulado alemão afirmou que aguarda os resultados dos exames para autorizar o translado, mas ainda não há prazo. O corpo deve ficar no IML de Andradina, interior do estado.

Em nota, a Unesp de Ilha Solteira lamentou o fato e disse que está colaborando com as autoridades para investigar o caso.

Fonte: VEJA SÃO PAULO