Poluição

Grande quantidade de espuma tóxica atinge cidade do interior

Em Pirapora do Bom Jesus, resíduos do Rio Tietê atingiram as ruas. Problema é recorrente

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

A cidade de Pirapora do Bom Jesus, a 54 quilômetros da capital, vive um grave problema desde esta segunda (22). Uma grande quantidade de espuma, resultado do alto índice de poluição do Rio Tietê, avança sobre a área urbana, que fica às margens do rio.

+ Multa da Receita Federal impede iraniano de continuar volta ao mundo

Em outras cidades da região, o problema também apareceu. O fluxo de veículos foi perturbado e especialistas alertam que a espuma tem produtos químicos e pode ser prejudicial à saúde da população. A reclamação de mau cheiro se mostra recorrente.

RP_espuma-poluicao-rio-Tiete-Pirapora-Bom-Jesus_22062015005
Espuma do Rio Tietê tomou conta da cidade (Foto: Rafael Pacheco / Fotos Públicos)

Nesta terça (23), a espuma encobriu uma ponte próxima ao centro de Pirapora do Bom Jesus. Mesmo assim, segundo a prefeitura, não houve nenhum incidente grave.

+ Na Câmara, Netinho presidirá comissão sobre maioridade penal

De acordo com a Secretaria Estadual do Meio Ambiente, a formação da espuma está relacionada principalmente à baixa vazão da água e a presença de esgotos domésticos não tratados.

O problema foi reconhecido pela Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental). As descargas indiscriminadas de detergentes nas águas levaram à formação das espumas, de acordo com relatório da companhia.

Fonte: VEJA SÃO PAULO