Comidinhas

Dulca: melhor doceria

- Atualizado em

Sonhos dourados: o doce se desmancha na boca
Sonhos dourados: o doce se desmancha na boca (Foto: Mario Rodrigues)

Quando a doceria abriu as portas, em 1951, no burburinho da Rua Dom José de Barros, bem no coração do então elegante centro novo, as mulheres subiam no salto para visitar a casa e provar suas guloseimas. Passado mais de meio século, os doces da Dulca não perderam a pompa. Benfeitos e açucarados, eles são eleitos pela primeira vez os melhores na categoria. Centralizada na Barra Funda, a produção diária chega fresquinha aos sete endereços da rede. Faz muito sucesso o levíssimo sonho (R$ 5,50), que se desmancha na boca num piscar de olhos. Os éclairs, ou melhor, as bombas, aparecem nos sabores chocolate, baunilha, avelã e zabaione (um saboroso creme de ovos acrescido de vinho marsala). Cada um custa R$ 2,50, na versão míni, ou R$ 4,30, o individual. Para fazer companhia à xícara do expresso, é imbatível o palmier (R$ 4,30), biscoito de massa folhada caramelada. Antes, experimente um dos bons salgados, caso da coxinha de frango (R$ 4,30). Na Oscar Freire, os preços são um pouquinho mais altos.

Rua Itacolomi, 639, Higienópolis, 3129-5561. 9h/20h. Cc.: todos. Cd.: todos. Entrega em domicílio. ; Rua Oscar Freire, 778, Jardim Paulista, 3474- 1344. 9h/20h. Cc.: todos. Cd.: todos. Entrega em domicílio. www.dulca.com.br. Mais cinco endereços.

Fonte: VEJA SÃO PAULO