Calendário

9ª Bienal de Arquitetura invade espaços públicos de São Paulo

Pela primeira vez, o evento acontece em diferentes pontos da cidade, com exposições nas estações de metrô

Por: Anna Carolina Oliveira - Atualizado em

Bienal Internacional de Arquitetura
Exposição: Oca reserva área para exibir trabalhos de estudantes e novos profissionais (Foto: Divulgação)

Entre os dias 2 de novembro e 4 de dezembro, a cidade recebe a 9ª Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo. Dessa vez, no entanto, o evento não ficará restrito a um mesmo local e vai se espalhar por diferentes regiões paulistanas, com exposições em alguns pontos do metrô. A mostra fixa ficará no prédio da Oca, no Ibirapuera.

As estações Sé, República, Tamanduateí e Vila Prudente vão abrigar as mostras com foco na história da arquitetura do próprio metrô e de São Paulo. Além disso, o arquiteto e escultor francês Yoann Saura prepara uma reflexão sobre o crescimento das cidades. A obra deve ser exibida em algum parque ou praça da capital.

+ Três mostras que exibem retratos de diferentes épocas

+ Tudo sobre a 35ª Mostra Internacional de Cinema

Outra novidade é a participação especial de cinco arquitetos ganhadores do prêmio Pritker, uma espécie de Nobel da arquitetura. Dois nomes já confirmados são Christian de Portzampac, autor do projeto da Cidade da Música em Paris, e Dominique Perrault, autor da biblioteca nacional da França. Os convidados vindos de fora também devem ministrar palestras e seminários na ocasião.

Ainda sobre os destaques internacionais, a 9ª edição traz 19 países expositores, com mostras sobre as experiências urbanísticas da Dinamarca, a experiêcia de recontrução do Chile após o terremoto, o crescimento das cidades no Oriente e outras. Vale lembrar que o espaço da Oca também vai abrigar uma exposição com os trabalhos dos estudantes e de novos profissionais, tanto do Brasil como de outras partes do mundo.

Fonte: VEJA SÃO PAULO