BARES

Onde provar até cinco chopes por no máximo 32 reais

Cervejaria Nacional e Karavelle estão entre os endereços da cidade que oferecem degustações da bebida

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Les 3 Brasseurs - palette
A palette, degustação de chopes do Les 3 Brasseurs (Foto: Adilson Silva)

O chope amarelinho (ou pilsen) tem ganhado cada vez mais novos companheiros em bares paulistanos. Em algumas casas, sobretudo as que produzem a própria bebida, ao menos cinco variações podem ser provadas.

+ Conheça os mehores bares da cidade

Para os indecisos, esses endereços montam degustações com "amostras" de bebidas. Os preços podem chegar a até R$ 30,00. Veja abaixo cinco delas.

+ Lugares para comer boas feijoadas na cumbuca

Cervejaria Nacional: instalado em Pinheiros, este bar-fábrica produz cinco tipos de chope. O sampler com todos eles (R$ 32,00) traz cinco copinhos de 120 mililitros, dispostos sobre uma tábua. A bebida aparece nas versões trigo, pilsen, india pale ale, brown ale e stout.

degustação de cervejas da Cervejaria Nacional
Sampler da Cervejaria Nacional: cinco versões da bebida (Foto: Mario Rodrigues)

Jet Lag: apesar de não fabricar as próprias fermentadas, o pub decorado com peças de avião serve "kits" com amostras dos títulos vendidos. A chamada draught beer tasting aparece em duas opções. Quem pedir o gate 1 (R$ 29,50) irá provar Heineken, Honey Dew, London Pride e Guinness. Já o gate 2 (mesmo preço) traz, além da Heineken, as marcas Erdinger, Old Speckled Hen e La Trappe. Cada marca vem em porção de 120 mililitros.

Karavelle: além de oferecer as cervejas engarrafadas da marca, fabricadas em Indaiatuba (SP), o endereço produz ali mesmo as seis opções fixas de chope. Se quiser saber as diferenças dos sabores das bebidas, peça a minidegustação (R$ 30,00), que traz todas as versões em copos de 80 mililitros. Entre elas, a dourada keller (pilsen) e a avermelhada india pale ale. A unidade da Rua Amauri não faz as bebidas, mas as serve por ali.

Karavelle
Os chopes do Karavelle (Foto: Mario Rodrigues)

Les 3 Brasseurs: o nome pomposo, que significa “os três cervejeiros”, é explicado pela origem francesa da casa, nascida em Lille. A produção tem quatro cervejas fixas, levinhas e de baixo amargor. Há três loiras: a pilsen, a de trigo e a pale ale itaim. Completa a lista a ruiva ambrée. Elas podem ser pedidas como degustação (ou palette) com copinhos de 150 mililitros (R$ 21,00). 

Mundo Cervejeiro: montada em Moema, a nova casa serve como sede da cervejaria TRIA e produz os próprios chopes. A chamada volta ao mundo é uma  prova que oferece as cinco receitas do lugar em porções de 150 mililitros cada uma. São elas: blond ale, india pale ale, trigo, porter e brown ale. Os suportes dos copos, ou bolachas, identificam os estilos. Custa R$ 21,00.

 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO