Esporte

Balé fitness une dança e exercícios em uma só atividade

Atividade mistura passos clássicos e aeróbicos para queimar gordura

Por: Helena Bartho

betina dantas
A criadora Betina Dantas: promessa de perda de até 700 calorias por aula (Foto: Fernando Moraes)

Criado na Itália renascentista do século XVI, o balé exige anos de dedicação intensa para ser praticado com excelência e geralmente aparece associado a espetáculos em imponentes teatros. Pois uma variação do estilo está sendo oferecida em academias paulistanas a quem procura uma atividade física de resultados rápidos. Utilizando variações dos passos da dança, o chamado ballet fitness envolve um circuito de exercícios executados na barra e no chão, finalizados por uma coreografia.

Pliés, por exemplo, viram sequências de agachamento para fortalecer os glúteos. Ao longo de uma hora, trabalham-se diversos grupos musculares, e até 700 calorias podem ser queimadas durante as repetições de movimentos e tempos prolongados de esforço. As aulas são agitadas, sem muito tempo para descanso, e incluem tanto músicas clássicas como hits populares.

“Certa vez tive uma série de lesões, passei um tempo sem dançar e notei que meu corpo ficou flácido. Como não gosto de musculação, comecei a usar os passos do balé para me manter em forma”, conta a dançarina e educadora física Betina Dantas, criadora do método. Com a receptividade das alunas, ela tem se dedicado nos últimos tempos à formação de professores para levar o estilo a outras cidades.

xtend barre
Aula de Xtend Barre (Foto: Mário Rodrigues)

Como é realizado em postura de balé — com a coluna reta, os braços estendidos e os pés em meia-ponta —, alongamento e equilíbrio são outros benefícios. “Quando comecei a frequentar as aulas, queria apenas uma atividade para relaxar a mente. Mas gostei tanto do resultado que parei por completo com a academia”, diz a designer de acessórios Rossane Segatto, praticante há três anos. “O tônus dos músculos e minha flexibilidade mudaram bastante.” Academias e estúdios de dança que oferecem a modalidade cobram mensalidades entre 125 e 500 reais (abaixo, alguns exemplos).

Outra opção de exercícios com movimentos similares é o Xtend Barre. Presente em diversos países, como Estados Unidos e Austrália, a prática mistura balé com técnicas de pilates. Usando o peso do próprio corpo, as aulas são realizadas na barra ou com bolas e outros equipamentos. “A atividade une postura e fortalecimento muscular com a queima de calorias e a animação da dança”, explica a professora de educação física Audrea Ferro, representante da modalidade no Brasil.

audrea ferro
Audrea Ferro e a aula de Xtend Barre: técnicas de pilates (Foto: Mário Rodrigues)

Alguns movimentos da modalidade:

› Grand-plié: agachamento com as pontas dos pés viradas para dentro. As repetições ocorrem alternando a posição das pernas.

› Cisne: movimento de braços que simula o bater de asas. Com as palmas viradas para fora, as mãos começam em cima da cabeça e descem até as costas.

› Sauté: salto com os pés alongados. Repetido e alternando a posição das pernas, é o que mais queima calorias.

› Abdominal: deitadas com as costas no chão, as alunas seguram-se na barra e mantêm o joelho esticado. Então sobem, descem e fortalecem o abdômen.

› Tendu: movimento de um dos pés para a frente, para o lado ou para trás, enquanto a perna de base abaixa e levanta.

› Glúteos: as alunas ficam em quatro apoios no chão, com joelhos e pés estendidos, e são realizados giros da perna, para dentro e para fora.

ONDE FAZER:

› Bravo Ballet. Rua Joaquim Antunes, 668, 3º andar, Pinheiros,t el.: 3061-9524. 227 reais (duas vezes por semana).

› Cia. de Dança Ímpeto. Rua Barretos, 612, Água Rasa, tel.: 2021-3487. 125 reais (duas vezes por semana).

› Ecofit. Rua Cerro Corá, 580, Lapa, tel.: 2148-4000. 378 reais (passe livre).

› Estúdio Anacã. Avenida Brasil, 649, Jardim Paulista, tel,: 3052-0763.495 reais (passe livre).

› Reebok Club. Avenida Magalhães de Castro, 12 000, 4ºandar, Itaim, tel.: 3759-7878. 477 reais (passe livre).

› Reebok Club Vila Olímpia. Rua Olimpíadas, 205, Vila Olímpia, tel.: 3847-7878. 477 reais (passe livre).

Fonte: VEJA SÃO PAULO