Cidade

Audiências vão debater abertura de ruas para pedestres e ciclistas

Serão 22 encontros, um deles no próximo sábado (19) no vão livre do Masp

Por: Veja São Paulo

img-20150628-wa0000
Inauguração da ciclovia na Paulista: teste da CET avaliou a possibilidade de fechar a via aos domingos (Foto: Vinicius Tamamoto)

A partir de sábado (19), a Prefeitura de São Paulo irá iniciar uma série de 22 audiências públicas para discutir e debater com os cidadãos as ações do programa Rua Aberta. No dia de estreia, uma delas será realizada no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (MASP), a partir das 10h, para debater a abertura da Avenida Paulista para pedestres e ciclistas.

+ Fechamento da Paulista aos domingos é possível, diz secretário

A iniciativa tem o objetivo de liberar para pedestres e ciclistas ruas e avenidas de grande relevância no perímetro de 1 a 3 quilômetros, aos domingos e feriados, das 10h às 17h. Com o impedimento do trânsito de veículos motorizados, a intenção é que as vias recebam atividades artísticas, esportivas, gastronômicas e culturais gratuitas.

Também no sábado (19), outras duas audiências públicas ocorrem nas subprefeituras de Aricanduva, na Zona Leste, e Campo Limpo, na Zona Sul.

No domingo (20), serão mais duas audiências nas regiões da Cidade Ademar (Zona Sul) e Lapa (Zona Oeste). Os encontros, que têm o Ministério Público Estadual como convidado, ocorrerão até 17 de outubro. Os últimos deles ocorrem em São Mateus e Cidade Tiradentes, ambos na Zona Leste.

+ Confira as últimas notícias da cidade

A iniciativa envolve as secretarias municipais de Coordenação das Subprefeituras, Transportes, Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo, Cultura, Segurança Urbana, Esportes, além da CET e da Agência São Paulo de Desenvolvimento.

Fonte: VEJA SÃO PAULO