Alckmin diz que protestos de sábado foram “uma verdadeira barbárie”

Governador afirma que "São Paulo não tolera baderna" e que polícia tem "dever de agir" 

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) criticou na tarde desta segunda (9) as manifestações do último sábado (7), que marcaram o Dia da Independência do país e terminaram com  40 detidos  e pelo menos  dez feridos  em São Paulo.

Segundo Alckmin, o governo reafirma o “total apoio” a manifestações, “inclusive garantindo a segurança dos manifestantes”. Mas, segundo ele, os protestos de sábado foram diferentes. “O que nós vimos no 7 de Setembro não foram manifestações pacíficas, foram atos de barbárie, vandalismo, depredação, destruição do patrimônio público e privado, agressão à polícia. Uma verdadeira barbárie, isso é inaceitável. São Paulo não aprova e não tolera baderna”, disse o governador em um evento no Palácio dos Bandeirantes.

Sobre o caso do  estudante que ficou cego de um olho após ser atingido por uma bomba jogada pela PM, Alckmin disse que para “casos específicos como esse, a polícia tem uma Corregedoria que imediatamente abre um processo para apurar qualquer tipo de equívoco”. O governador não acredita em excessos por parte do comando policial. “A polícia tem o dever de agir, não pode assistir a destruição e atos de vandalismo em prejuízo do conjunto da sociedade.” 

Vítima

Vitor Araújo, de 19 anos, perdeu a visão em um olho enquanto participava das manifestações em frente à Câmara Municipal, no sábado. Ele gravou um vídeo relatando o que aconteceu.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s