Food Trucks na lei

Antes exclusividade das vans de cachorro-quente, a regulamentação dos food trucks tira o negócio da clandestinidade e cria oportunidades para novos empreendedores

No final do ano passado, o prefeito Fernando Haddad sancionou a lei municipal 15.947/2013, que estabelece as regras para vender comida na rua. Na prática, a iniciativa define quais alimentos poderão ser vendidos e como será a concessão de autorizações.

O projeto dos vereadores Andrea Matarazzo (PSDB), Arselino Tatto (PT), Floriano Pesaro (PSDB), Marco Aurélio Cunha (PSD) e Ricardo Nunes (PMDB) estabelece, entre outros pontos, que carros com até 6,3 metros de comprimento poderão operar, desde que deixem ao menos 1,2 metro de espaço para pedestres na calçada.

Enquanto as licenças não são expedidas, empresários criam pontos de venda em lojas e estacionamentos privados. Publicada, a nova lei deve impulsionar o investimento de novos empreendedores no ramo dos food trucks e, ao mesmo tempo, oferecer aos consumidores mais segurança na hora de comprar.

Venha experimentar as comidas de rua no Food Truck da Casa Cor e interaja conosco nas redes sociais de Veja São Paulo usando a #foodtruckvejasp. 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s